domingo, 18 de outubro de 2009

Farsa

Um dia sonhei um grande amor, Que só existiu em minha mente, Foi uma farsa covarde e demente, Falso e doloroso alarde, De um coração carente! Pensei viver um conto de fadas, Não me lembrei que não existem, São apenas histórias de crianças, Só alimentam falsas esperanças Hoje desperto de minha fantasia, Faço de minha vida minha alegria, Corro ao encontro de algo real, Me alimentando do que é normal. E meu coração segue contente. Cantando a vida a quatro cantos! Deixando que tudo seja encanto... E nunca mais serei dor e pranto. Sandra Botelho!

7 comentários:

Elaine Barnes disse...

Olá! Como foi o "amadrinhamento" ? rs...
Bem, os contos de fadas fazem parte da vida. As ilusões um dia se vão com as fantasias a duras penas. Amadurecemos e algumas de nós entram na realidade, outras carregam a infantilidade até o fim.Parabéns pelo poema e por buscar a realidade.A dor é inevitável, o sofrimento...De preferencia, nunca mais! bja amiga

Everson Russo disse...

Minha querida amiga, muitas vezes nessa vida,pra gente ser feliz temos que acreditar um pouco em conto de fadas, alimentar nossa alma de esperanças, claro que vamos ate um certo ponto, não devemos nem sofrer e nem chorar demias se algo deu errado, vamos sempre seguindo em frente...um beijo e uma linda semana pra ti.

Edivaldo Lopes disse...

ola passando para diser que adorei seu blog
show de bola tenha uma otima semana .
e outra estou aseguir este blog blz bj

★David Rangel★ disse...

O que é a vida senão uma luta diaria por um amor verdadeiro !
Ps : acredito em Deus sim Cherry!
rs
xD


bjos e otima semana

Jacke disse...

Isso é coisa de mulher bem resolvida. Mulher poderosa!
Abraço.

O Profeta disse...

Corre assombração
Vai para outro mundo numa toada de vento
Afasta de mim este cálice
Deixa-me aprisionar a morte na vida por um momento

Deixa-me sentir com a alegria dos sentidos
Deixa-me acreditar no voo do por-do-sol
Deixa-me beijar as águas de um lago feliz
Deixa-me navegar sem rumo, perder o control



Mágico beijo

Daniel Savio disse...

Menina, apenas pense que não foi com ele...

Mas pode ser no próximo, então não deixe de amar, mesmo que pareça doloroso, ainda é mais feliz...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

Meu sereno amor

Meu pequeno pedação de sonho! Me leva pra passear? Por ai em qualquer canto, onde o sol me descanse do calor... Me lembra...