quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Reticencias...





Eu não tenho mais inspiração para escrever, talvez seja porque a vida me sufocou com tantos ais, me fez ver que ela é dura e por vezes fria no trato com os mortais.

Hoje , agora, me restou um tantico de tempo e vim colocar em muitas e poucas letras o meu coração que anda assim, feito palavra sem acento, feito frase sem ponto nem virgula. Hoje sou reticencias...Apenas reticencias! E vou vivendo todas as interrogações que o destino me impôs, filtrando exclamações, e sufocando pontos finais. Porque é preciso pontuar a vida, senão ela perde o sentido. E nesta ortografia maluca, por vezes cruel e injusta. Eu sigo aprendendo..Quem sabe aprendo que entre cada acento, ha de se encontrar um sentido na frase, um sorriso no meio e a felicidade no final.
Sandra Gonçalves

9 comentários:

Paulo Francisco disse...

Pelo menos não é ponto final. A reticencia cria a possibilidade de continuar em um tempo qualquer.
Um beijo grande

Paulo Francisco disse...

Pelo menos não é ponto final. A reticencia cria a possibilidade de continuar em um tempo qualquer.
Um beijo grande

Paulo Francisco disse...

Pelo menos não é ponto final. A reticencia cria a possibilidade de continuar em um tempo qualquer.
Um beijo grande

Paulo Francisco disse...

Pelo menos não é ponto final. A reticencia cria a possibilidade de continuar em um tempo qualquer.
Um beijo grande

Paulo Francisco disse...

Pelo menos não é ponto final. A reticencia cria a possibilidade de continuar em um tempo qualquer.
Um beijo grande

Arnoldo Pimentel disse...

A inspiração está em seu coração e esse lindo poema é prova disso.Parabéns.

Manuel disse...

Afinal tem muita inspiração para escrever. Tem aí a prova!

Regina Rozenbaum disse...

Ah minha engordativa, creio que está ocorrendo uma epidemia de falta de inspiração...pelo menos na blogosfera. Será que passa??? Sinto falta de suas poesias, mas nem posso cobrar, pq até mesmo minhas divagações andam desaparecidas de mim.
Beijuuss amaaada

Luma Rosa disse...

Oi, Sandra!
Inspiração você tem só que não está conseguindo externar. Espere um cadinho... Com tantas coisas acontecendo, o lado lúdico da vida fica para segundo plano.
Beijus,