quinta-feira, 1 de abril de 2010

Primícias de amor

Andavas em murmúrios pelo jardim,
Tão indefinidamente chamavas por mim...
Calaste o som do vento em murmúrio gritante!
e agora choras em dor angustiante...
Apegas-te a minúcias, dissimuladas dores! Oh! moça bonita, que chora em vão seus amores; Onde escondias tão doce e iluminada beleza? Em águas profundas em jardins ou entre a realeza? Envolvendo -te o vento convida-te a dança, E tu, menina feliz aceita o convite e avança. Na célere valsa que o vento balança, Matas de inveja as flores que o olhar te lança! Suas sinuosas pernas a desenhar cada passo... Faz de teu corpo ,dos meus olhos laço! Não fujas de mim menina que chora... Deixa secar teu choro em meus lábios agora? Estou louco de amores por ti minha menina! E de tanto desejo te olhar é minha sina. Não me olhes assim suave e delicada flor! Somente se encante e não chores mais por amor. Se gritavas por mim, por que não me queres? Se teu choro era eu, por mim não mais chores! Quero te agora doce menina, suave mulher! Não vá me dizer, que não mais me quer... E a menina olhando-0 com ares de dor! Responde sorrindo ao seu grande amor! Já não choro por ti meu grande guerreiro! Dos meus sorrisos tu és cativeiro. Choro por que estás agora enleado, em ténue teia de um apaixonado! E nossos corações em uma só alma, Estão eternamente encarcerados. ...Choro de pura felicidade! Sandra Botelho!

34 comentários:

Maria Bonfá disse...

que lindo amiga.. um bailar de palavras que encantam..vc arrasou..amei.. linda noite..beijão

Ricardo Calmon disse...

en ballett de la vie ,pas de deux avec vous moi fait!
vive la vie!

voando e pensando em campos meus de girassois!

From Brasília partindo yesssssssssssssss

Ricardo Calmon disse...

en ballett de la vie ,pas de deux avec vous moi fait!
vive la vie!

voando e pensando em campos meus de girassois!

From Brasília partindo yesssssssssssssss

Beatriz Prestes disse...

Melodioso e lindo!!
Impossível não sentir a alma em movimento!
Beijo carinhoso querida
Bea

Juliana Lira disse...

Eu aqui!

Louca pra chorar assim rsrsrs.Como é bela sua poesia Sandra, gosto tanto da maneira como suas palavras bailam, como formam dança na alma da gente!

Milhões de beijos

angela disse...

Que choro bom esse.
Boa Pascóa.
beijos

Joéliton dos Santos disse...

Oi.,.
Muito lindoo...

abraços.

Lidia Ferreira disse...

Muito bonito esse poema, sonhei rsr
Feliz Páscoa , para voce e sua familia

ღPat.ღ disse...

Sandrinha,
Foi para mim,né? Eu sei... obrigada..obrigada.. rs

Falando sério, que é isso?
Adora me ver ficar emocionada com tuas palavras não é?
Quanta sensibilidade... lindo é pouco...

Beijos em ti com Amor.

Sonhadora disse...

Minha querida
Belo o teu poema,que hino ao amor...adorei.
deixo o meu carinho e votos de uma Páscoa Feliz.

Beijinhos
Sonhadora

Rosemildo Sales Furtado disse...

Oi Sandra! Passando para apreciar mais uma das tuas belas criações. Adorei o poema, principalmente a estrofe abaixo:

E a menina olhando-0 com ares de dor!
Responde sorrindo ao seu grande amor!
Já não choro por ti meu grande guerreiro!
Dos meus sorrisos tu és cativeiro.

Beijos e Feliz Páscoa pra ti e para os teus.

Furtado.

P.J. disse...

Passando para desejar feliz Páscoa, muita paz e luz!
Linda postagem como sempre.
Beijos ternos

Lady disse...

Vim deixar meu carinho e desejar um ótimo feriado recheado de paz e amor.
Beijo no coração

Majoli disse...

Amiga, você me deixa sem fôlego, sem palavras...seu poetisar é lindo por demais...o desenrolar através de cada estrofe vai nos envolvendo...e o desenlace final é algo sem igual.

Que lindo seu modo de versejar.
Aqui é tudo com cheiro e sabor de amor.

Amo, amo, amo vi aqui.

Beijos doces com carinho e admiração, os mais sinceros que saem de meu ♥

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Uma exaltação perfeita ao amor,Sandra. Belas rimas,cadenciadas, com ose fosse uma música. Gostei muito.Beijos e parabéns. Feliz páscoa

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

O amor é algo imensurável, não é?
Nos faz querer ser pessoas melhores.
Tua poesia é linda, linda mesmo

Beijo
=)

Everson Russo disse...

É tão gostoso o amor assim como voce descreve, como alguem que anda num jardim, leve, sereno, buscando toda a paz que o mundo tem, que na realidade tá dentro de nós....beijos querida ,,,otima pascoa pra ti e toda sua familia....

Thomas Albuquerque disse...

chorar de pura felicidade....também quero chorar desse choro.

Amapola disse...

Bom dia, Sandra.
Nossa... maravilhoso!
Fiquei lendo com muita calma, e parecia estar num teatro, vendo e ouvindo, este soneto.

Muito obrigada pelo comentário carinhoso.
Um grande abraço. Feliz páscoa.

José disse...

" Choro de pura felicidade"
também quero chorar assim
se soubesse que era verdade
quando choras, se é por mim

Uma boa Pascoa para ti
linda poetisa,
e um beijinho doce
José.

antes blog do que nunca! disse...

Chorar de felicidade ocasiona as lágrimas mais doces. As amêndoas desta Páscoa. Belíssimo poema.

1 Bj*
Luísa

Daniel Savio disse...

Amor sempre é um motivo para se comemorar, mas principalmente, vive-lo...

Feliz páscoa menina, com tudo que você tem direito, chocolate, amor e bons sentimentos.

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

C@urosa disse...

Olá minha querida amiga Sandra Botelho, é o amor presente, adorei tudo..."e a menina olhando-o com ares de dor!" O amor tem sempre um pouquinho de dor.


Paz e harmonia e uma santa páscoa para você e a família,

forte abraço

C@urosa

Vera (Deficiente Ciente) disse...

Olá Sandra!

Adorei seu blog! Obrigada pela visita!

Beijos e feliz páscoa!
Vera

Luna Sanchez disse...

Que amor! ^^

Beijos, querida, boa Páscoa!

ℓυηα

Júlio Castellain disse...

...
Beleza de letrinhas.
E o gosto do beijo é muito bom (rs).
...
Beijos pra vc.
...

THAYSA AGUIAR disse...

Texto maravilhoso *0*

Parabéns, seu blog está muito lindo.

Sucesso õ/

Graça disse...

Sandra,

querida amiga!

Estou em falta com vc, eu sei, mas quero me regenerar agora...rs

Vi essa foto sua aí no cantinho e me doeu o coração, onde vc afirma que hj tem lágrimas nos olhos...

eu te peço, amiga, não chore, pois as lágrimas, além de te impedirem de ver as estrelas, te impedirão tb de ver um amor novo e lindo surgindo e rindo para vc...
E, se vc já possui esse amor, que bom, mais um motivo para NÃO CHORAR!!!

Obrigada pelo carinho das suas visitas, e saiba que moras no meu coração...

Seu poema é lindo, começa nostálgico mas termina cheinho de esperança!

Parabéns!
Feliz Páscoa para vc e sua família!!!

*Mi§§ §impatia* disse...

Oi Sandra, tudo bem?
Vim te agradecer pela sua visita e seu comentário, fico feliz de vc ter gostado do meu blog.
Ah eu adorei seus textos, seu blog é muito lindo, me identifiquei com muitos textos. Estou te seguindo e certamente virei sempre.
Gostaria de aproveitar e te convidar a me seguir e conhecer meus outros 2 blogs ta?
Uma feliz Pascoa pra ti e sua familia, Beijos.

http://deliriosdamiss.blogspot.com/

http://cantinhodamissrj.blogspot.com/

REGGINA MOON disse...

Sandra,

Que maravilha!!Lindo demais....Parabéns!!!

"A Páscoa não é apenas um momento de reflexão, mas de renovação, da fé, dos costumes, de nossas atitudes diante do universo que nos rodeia."

Boa Páscoa!!

Beijos,

Reggina Moon

Machado de Carlos disse...

Você engrandece as minhas obras. Enleva a minha personalidade ao ápice da poesia. Mas ao vir até aqui, meu coração palpita ao contemplar com sua bela página, cheia de encantamento tanto visual, como poético e também musical. Um Grande abraço. Bela Páscoa a você!

Nilson Barcelli disse...

Sandra, adorei o seu blogue e as suas poesias. Voltarei mais vezes.
Obrigado pela sua primeira visita. Apareça sempre...
Boas Páscoa.
Beijos.

Elaine Barnes disse...

Nusss!!! Já pensou em escrever para teatro,cinema,letra de música? Muito lindo amiga. O conjunto com começo, meio e belo final já são caracteríscas sua. Parabéns! Isso não é um poema, é uma obra! Montão de bjs e abraços

Daniel Savio disse...

As vezes nos perdemos em meio ao amor, mas com paciência, acabamos encontrando a direção certa...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

Meu sereno amor

Meu pequeno pedação de sonho! Me leva pra passear? Por ai em qualquer canto, onde o sol me descanse do calor... Me lembra...