quarta-feira, 7 de julho de 2010

Terapia da Dor



Se a tua dor te aflige transforma-a em um poema...
escrever talvez faça seu coração adormecer,
fazer da dor uma frase ou versos ou poesias,
trás de volta a tão perdida esperança.
Te devolve a sofreguidão de um desejo...
Escrever te obriga a viajar por sentimentos inventados,
te faz ser novamente coragem.
Escrever sua dores te faz transforma-las em poeira,
em vã descrição de um fato...
Delinear dores em papel ,ou na tela de um computador
te ajuda a amputar sua dor...
Raspe teu coração, jogue a dor nas palavras e as palavras no papel e deixe que
elas sejam somente frases, palavras, enganos, ou pequenos
fragmentos de esquecimento.
Faça seu poema, jogue nele toda sua doença emocional.E se quiser publicar, publique, talvez a sua dor mostre a outros a pequenez da tristeza que sentem.

♥♥♥♥♥♥♥

Quando a dor adormecer teu coração
E te lembrar palavras ditas em vão
Não chore pra não te amargurar,
É melhor escrever, e sonhar...

Sonhar que a amizade foi sincera,
E que verdadeiro foi o carinho.
Sonhar que a dor é passageira,
E vôa nas asas do passarinho!

Escreve então a sua dor,
E se purifique de todo rancor
Amanhã o sol estará brilhando,
e um novo amor recomeçando!

Sandra Botelho
♥♥♥♥♥♥♥

O BlogGirls dessa semana tá falando de amor...
Visitem...
http://meninasdoblog6.blogspot.com/

e  AME

45 comentários:

Majoli disse...

Oi minha doce Chocolate, essa postagem de hoje você escreveu pra mim, né não?...rsrs.

Recebi como se a estivesse ouvindo falar, não consegui só te ler, senti cada palavra do texto e dos belos versos.

Feliz por chegar aqui e levar pra dentro de mim palavras que servem pra me fortalecer, cada vez mais.

Beijos com carinho e com muitas saudades.

gabyshiffer disse...

Sandra minha amiga que lindo isso
é a maior verdade sabia
muitas vezes eu escrevi para desabafar num caderninho que eu tinha, ainda quando quase nem usava internet e era adolecente...
agora temos mais recursos, temos os blogs tudo pra ajudar nessa terapia...
:)
Linda a sua mensagem
Boa tarde pra vc
Beijos na alma!

Marilu disse...

Querida amiga Sandra, sempre existe um novo amanhã, e com ele vem a esperança de um recomeço...Lindo...Beijocas

Manuel disse...

Se a tua dor te aflige transforma-a em um poema...
Que belo pensamento.
De facto quando nos embrenhamos no recôndito dos nossos sentidos, por vezes, ficamos alheios a todo o resto.
Pudemos na poesia encontrar um bom lenitivo para superar os momentos menos bons,

Machado de Carlos disse...

A vida passa... diariamente estamos nos descobrindo aos poucos... cada dia, uma nova emoção! O importante é viver, viver cada minuto, não podemos perder o tempo. Como é bom receber suas palavras de carinhos,
Beijos Carinhosos!

Machado de Carlos disse...

A dor também é um grande tema para a maioria dos poetas.
Dor é dor! Precisa ser registrada.
Beijos!

Sergio disse...

Novo pra quê? Mal conhecestes o antigo? Aquele que já deixou pra trás.

Ah, vocês e essa falta de paciência... Essa mania de inovar, atualizar o guarda-roupa...

Shopping! Tai uma idéia boa!

Shopping, chocolate e 3 garrafas de vinho! Com duas, a consciência pode até mostrar que o antigo era o novo. Mas a 3ª... Essa é só pra enlouquecer e perceber - até com certa sobriedade - que, loucura só faz mal pra quem é louco com verdade.

E entre o louco e o que brinca D, há duas possibilidades: ou a treva, ou atreva-se de verdade!

Caramba ta bonito isso...

Elaine Barnes disse...

Lindo como sempre. Conversar com a dor é a melhor saída. Escrever é um excelente remédio. Para nós seus leitores é um acalento,um bálsamo,um curativo vir aqui,assim compartilhamos os maus e os bons momentos. Montão de bjs e abraços

*Mi§§ §impatia* disse...

É isso que eu faço amiga, transformo tudo em meus delirios e isso me ajuda demais.
Beijos linda.

Hod disse...

Olá Sandra,
Nesse cantar explícito, sopra o alento de ventos que levam longe tuas fragrâncais.

Dias felizes pra ti.

Beijos

legalmente loira... disse...

querida sandra,
se toda teparia da dor fosse isto que delicia viver dela.
belo com lindos sentimentos....
vamos fazer uso de tudo isto.
um delicioso divã para nossa alma.
lindo dia com bjos.

Vivi disse...

Lindooo!!! Tenho feito exatamente isso. Raspado meu coração, jogado a dor nas palavras e as palavras no papel.

Bjosss

Sueli disse...

Chocolate, se precisar de um testemunho sobre essa verdade que escreveu, ofereço-me. Lindo! Beijão!

Felina Mulher disse...

É isso que fazemos, não é mesmo Sandrinha?
Colocamos no papel tudo aquilo que nos transborda o coração e nos aliviamos das dores.


Um beijo e um lindo dia.

ღPat.ღ disse...

A melhor maneira que encontrei de curar uma dor, é escrevendo. As vezes sai algumas coisas bonitas, outras só desabafos que acabo por engavetar.
A dor quando transformada, muda a vida da gente.. aprender isso não é fácil, mas vale muito à pena!

Amada minha, morena linda... deixo beijos para ti minha amiga que tanto admiro.

Assis Freitas disse...

versos terapeuticos, a palavra cura ou ensandece,

beijo

Everson Russo disse...

È o que eu sempre tento,,,fazer da dor um poema,,,brincar com ela,,,falar que ela nao me merece,,,tentar esconder,,,desviar a atenção,,,as vezes eu consigo,,,as vezes não,,,tem horas que ela é bem mais forte que eu....beijos de bom dia...

Pelos caminhos da vida. disse...

Escrever tudo o que sentimos e pensamos é um deasbafo.
Eu faço isso qdo estou precisando desabafar.

bom dia.

beijooo.

SAULO PRADO disse...

Leitor


Você escreve o que é amor
Deixando em relevo traços de dor
E assim nasce o perigo
Ler-te é meu lúdico abrigo

Esta dor escrita pelas suas mão
É o poema que canta em meu coração
Estas palavras afiadas em sua carne
São os versos que minha alma invade

Tudo em você é composição
Você faz da dor uma linda declaração
Es a musica de um querubim
Poemas e versos de Tom Jobim...

Saulo Prado

"só você é capaz"

Everson Russo disse...

Bom dia minha amiga querida,,,hoje eu trago um pedacinho de bolo de chocolate pra desejar um feliz aniversario pra ti,,,saude, carinho,,,paz,,,amor,,,sucesso,,,e que todos os seus sonho sejam reais....beijos e beijos e beijos.

A.S. disse...

No meu peito
sinto teus dedos
no sono em que me deito...

BeijOOO
AL

Luna Sanchez disse...

Concordo : escrever é uma forma eficaz de exteriorizar o que se sente, seja bom ou ruim.

Beijo, flor!

ℓυηα

Insana disse...

Quando eu escrevo parece que tiro a dor de mim..
seria a terapia do amor, do amor por mim
seria a terapia da vida, da vida que a em mim..

sentir e saber transformar é só para quem sofre.

bjs
Insana

Rosemildo Sales Furtado disse...

E eu que pensei que a mamãe inspiração estivesse morando lá em Franca, na casa da Livinha, a não ser que ela antes de ir, tenha passado por aí.

Realmente, externar tudo aquilo que sentimos nos escritos, alivia e nos faz bem.

Beijos,

Furtado.

a magia da noite disse...

libertar a palavra é sempre deixar sair da alma, seja amor, ou dor.

Vozes de Minha Alma disse...

Sandra, um abraço, um beijo, e minha reverência a tu e as demais amigas blogueiras deste país!
Obrigado minha linda pela tuas visitas ao Vozeds de Minha Alma e teu carinho.

Meri Aleixo disse...

Sandra
este teu aconchego é uma delicinha de visitar
mulher do sorrisão lindo
tu é linda por dentro também
pra extrair tanta coisa linda e escrever
é porque este interior está carregado de palavras fascinantes


Ô coisa linda este teu sorriso Sandra!!


Lindeza que gostosura te receber lá

beijos vários sabores pra ti

Amordemadrugada disse...

Já visitei Sandrinha
è giríssimo!
Bom fim de semana linda
besito e luz
;)

Fátima Guerra (Mellíss) disse...

Querida Sandra

Transformar a dor, a tristeza em poesia, deixar que se derrame em versos, mergulhar nos sentimentos,
viajar nas palavras ...ah!, tudo isso fazemos, não? E assim aprendemos, compartilhamos, vamos vivendo.
Aproveito para agradecer sua terna presença no meu blog.Vc é um amor.
Beijos
Fátima Guerra

Beatriz Prestes disse...

Lindíssimo...e fazendo refletir!
Sempre maravilhoso teu escrever minha amiga
Beijo com carinho
Bea

Maria Flor! disse...

Olá Sandra,

Lindo isso:

"Escreve então a sua dor,
E se purifique de todo rancor
Amanhã o sol estará brilhando,
e um novo amor recomeçando"!

Meus aplausos!

Beijos...

Maria Flor! disse...

Olá Sandra,

Lindo isso:

"Escreve então a sua dor,
E se purifique de todo rancor
Amanhã o sol estará brilhando,
e um novo amor recomeçando"!

Meus aplausos!

Beijos...

Livinha disse...

Sandra como são lindos e profundo teus versos.
Colocaste a pureza da verdade, sobre o alívio que a escrita nos promove.
É como uma extração da dor, aquela que nos atormenta, que nos envolve e nos irrequieta.
Escrever é como não ter naquele instante alguém que nos ouça, e no instante do silêncio é o aconchego que nos promove o alívio imediato.
é o choro, é o riso, é o laço do amigo que está sempre do nosso lado. Aquela pauta que nos permite entre o risque e o rabisque um instante compensado.

Lindo, lindo
parabéns!

Bjs

Livinha

Livinha disse...

Sandra como são lindos e profundo teus versos.
Colocaste a pureza da verdade, sobre o alívio que a escrita nos promove.
É como uma extração da dor, aquela que nos atormenta, que nos envolve e nos irrequieta.
Escrever é como não ter naquele instante alguém que nos ouça, e no instante do silêncio é o aconchego que nos promove o alívio imediato.
é o choro, é o riso, é o laço do amigo que está sempre do nosso lado. Aquela pauta que nos permite entre o risque e o rabisque um instante compensado.

Lindo, lindo
parabéns!

Bjs

Livinha

Livinha disse...

Sandra como são lindos e profundo teus versos.
Colocaste a pureza da verdade, sobre o alívio que a escrita nos promove.
É como uma extração da dor, aquela que nos atormenta, que nos envolve e nos irrequieta.
Escrever é como não ter naquele instante alguém que nos ouça, e no instante do silêncio é o aconchego que nos promove o alívio imediato.
é o choro, é o riso, é o laço do amigo que está sempre do nosso lado. Aquela pauta que nos permite entre o risque e o rabisque um instante compensado.

Lindo, lindo
parabéns!

Bjs

Livinha

Sonhadora disse...

Minha querida Sandra
Concordo, realmente escrever, pelo menos ficamos de alma lavada, embora a dor não se vé, mas talvez fique menos.
Adorei o teu poema.

beijinhos com carinho
Sonhadora

Regina Rozenbaum disse...

Sandra, engordativa de minha alma, amada!
Em 05/04/2009 escrevi "Regina das Dores" e terminei assim...
APRENDIZ DA DOR
DOR QUE DÓI
QUE MEXE E REMEXE
COM O CORPO E COM A ALMA
QUE CONTA COISAS SOBRE MIM
QUE EU SABIA
E NÃO SABIA QUE SABIA
AGORA SEI
DE UM JEITO DOÍDO
O QUE NÃO QUERIA SABER!
Beijuuss curativos n.c.

www.toforatodentro.blogspot.com

Caminhos Poéticos disse...

Poesia
É emoção
É afeto, é amor.
É amizade.
É sentimento com cor!


Um Fds carregado de poesia e emoção!
Agradeço sua amizade e carinho...Beijo grande...M@ria

Vozes de Minha Alma disse...

Oi Sandrinha!
Amei essa terapia. O importante é nos expressar e colocarmos prá fora essa dor, e recomeçar sem ela.
Afinal, nem só de flores vivem os poetas, não é mesmo?
Mas quando recomeçamos com a alegria, é claro que tudo fica mais florido.
Um beijo, e um abraço!

Cacau Loureiro disse...

Como vai Sandra? Feliz por voltar as tuas páginas, verdadeiras gotas de esperança e de poesia, privilégio partilhar os teus momentos, as tuas palavras, a tua poética, beijo!

Machado de Carlos disse...

Obrigado pela sua presença envolta de um chocolate especial.

Daniel Costa disse...

Sandra

Tudo o que seja desabafar, em dialogo neste acto solitário que é escrever, fará sempre bem ao coração. Se todos tiverem a felicidade dentro de si, como exemplificcas e eu partilho, a dor é sempre passageira, dura apenas o tempo de nos refazermos de qualquer desilusão.
Beijos

Jortas disse...

É issi aí.Se a dor é grande derrama-a sobre as palavras que escreves.
Além de lindos ao versos falam dessa realidade que a partilha da dor pode trazer-nos maiores flores e alivia-nos, de certeza, o aperto da alma.

Everson Russo disse...

Um beijo carinhoso de lindo sabado pra ti menina,,,paz e amor sempre....

Daniel Savio disse...

Menina, sempre haverá um dia melhor, na qual teremos a felicidade que merecemos...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.