quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Vestigios do que fomos...

Os dias passam lentos...
Na noite meus olhos atentos!
Atentos a falta de sono,
A um completo abandono...

Quero dormir não consigo,
A janela é meu abrigo...
A noite é insolente!
Dona de uma alma doente.

Não tenho forças para chorar,
Nem coração para amar.
As forças me deixaram!
Somente mágoas ficaram...

Vou me debruçar na janela.
Olhar o prédio ao lado...
Quem sabe alguem está acordado,
Ou pelo sono foi abandonado.

Na noite apenas silencio e escuridão.
Tantas perguntas descem ao coração...
Quando dormirei feliz novamente,
Sentindo em mim teu corpo ardente?

Um sorriso me faz relembrar,
O quanto gostávamos de nos amar!
Nos perdíamos em carícias e beijos,
em loucuras, fantasias e desejos!

E quando o dia amanhecia,
Exausto de tanto amar adormecia...
Deitado em meu colo sonhava!
Enquanto eu, apenas lhe olhava...

Acariciava seus cabelos...
Passeava por teu rosto...
Beijava-lhe as pálpebras,
E da sua boca guardava o gosto!

Hoje a solidão é companheira,
Das noites foi-se embora o amor...
Hoje me resta a solidão doente.
De um corpo solitário e carente!

O dia já está chegando, amanhecendo...
Trazendo nos seus braços, a claridade.
Me despertando pra uma nova procura,
Encontrar um amor que seja a cura!

Sandra Botelho


Meu Aconchego completa 400 seguidores.
Levem o selo amigos e obrigado pelo carinho.
Amo vocês. 

Visitem BlogGirls


♥&♥




55 comentários:

sandra Freitas disse...

Ai amiga, de ler chorando...chorando mesmo...agente pode sentir cada linha...um abandono, uma espera, muitas lembranças...ai..ai..

Mas é o seguinte.

Estou com um blog novo (Sobre música) e um proposta para meus amigos: Me mandarem uma música ou um trecho de uma que tenha marcado sua vida, ou que vc simplesmente goste, nas próximas semanas estarei postando. É uma maneira de conhecermos e compartilharmos gostos musicais diferentes. Você é essencial..mulher chocolate..

Bjokas...aguardo..
http://retalhosemsol.blogspot.com/

Pamela disse...

A ausência machuca néh?! A solidão se aproxima quando queremso estar ao lado de alguém que por diversos motivos, não os temos em presença. As lembraças que não param de girar em nossa mente atormenta efuzila o quase indefeso coração...

Dores da paixão queimam nossa alma, que desliza em desiluzão.

Mais uma vez um belissimo texto! Que esse mal de amor seja curado e esse sentimento renovado. Beijo e um ótimo dia!

Regina Rozenbaum disse...

Minha engordativa, amada!
Pois hoje parece que vocês, poetas e poetisas, decidiram poetar dessas ausências, faltas, carências...afff
Trouxe prá cá um trecho da Rosane Marega (de hoje):"...estou cansada
de masturbar saudades
ausências, vontades
quero sentir tudo de verdade"...
Então vamos em busca, à caça, ao encontro de "um amor que seja a cura."
Beijuuss n.c.

Maria Rita disse...

E que esse novo amor chegue logo e junto a ele a sinceridade que almas sensíveis como a tua tanto merecem.

Beijos pra Ti

Janaina Cruz disse...

O vestígio do que já fomos anda de mãos dadas com o que somos... Lindo poetar, passo a segui-te para vir sempre te visitar.

Majoli disse...

Doce Chocolate, chegando com o rabinho no meio da perna, rsrs.
Mas já mandei um e-mail me desculpando pela injustiça que fiz.
:(
Amo te ler, amo você.
Saudades enormes de ti.
Fique com Deus.
Beijos enormes no teu ♥

Sonhadora disse...

Minha querida

Um grito magoado...dorido, nas recordações que estão sempre presentes em nós, como sempre lindo.

Beijinhos com carinho
Sonhadora

Tempestade disse...

Você sempre espalhando coisas lindas..adorei!!!

* Tem um selinho pra vc no Reinventando Emoções...
( www.reinventandoemocoes.blogspot.com)

bjinhos!

SAULO PRADO disse...

O verbo passando para um amor presente
Transforma a alma em um ser doente
Fomos o que não somos mais
E meus sentimentos continuam no cais

A espera de quem sabe um retorno
De seus sentimentos ao meu ancoradouro
Assim o mar novamente terá sentido
Para um amor que hoje é clandestino

Por que como as ondas só existem se ventar
O meu coração só tem sentido se te amar
E é só assim que eu consigo suportar
Lendo em seu versos o seu jeito de amar...

AC disse...

A envolvência das suas palavras toca sempre, deixando rasto de vida...

Beijo :)

reltih disse...

el amor es siempre una búsqueda interminable!! lindo texto, así como tú.
besos

Luna Sanchez disse...

Tudo fica mais intenso durante a noite, seja a saudade, a febre ou a paixão.

Lindo post, amiga, como sempre, aliás.

=)

Beijo, beijo.

ℓυηα

Braulio Pereira disse...

fogo lento
ho!! dó
rosa do meu vento
senti a tua voz

beijo teu
e chocolate
ego meu
xak-mate

beijos querida doce noite!!

wcastanheira disse...

Encontrar um amor q seja a cura...belo poema, deixa transparecer um pouco de tristeza, mas é uma tristeza com perspectiva de melhora, então diria q é um salutar sentiemnto q está incorporado no processo de recuperação do personagem, foi muiiiito bom passear por aqui, acho q vc merece bjos, bjos e bjosssssssssssss

manuel marques disse...

Simplesmente lindo.

Beijo.

Tô Ligado disse...

Hey Sandra... te disse que sou profissional da saúde né? Gosto indiscutivelmente da saúde pública pois se trabalha na prevenção de donecas e seus agravos e promocao da saúde. Acredito que esse é o melhor caminho para tornar nosso país mais saudavel.

Bjus

Manuela Freitas disse...

Olá querida Sandra,
Uma noite assim é sempre muito má de passar, mas a manhã pode realmente trazer novo alento!
Bjs,
Manú

valdivino disse...

Sandrinha, só o amor pode afastar essa solidão doente, e confortar um corpo solitário e carente!

Lindo poema lindinha.

bjos.

Non je ne regrette rien: Ediney Santana disse...

"Vou me debruçar na janela.
Olhar o prédio ao lado...
Quem sabe alguem está acordado,
Ou pelo sono foi abandonado"
quanta solidão e dengo nestes versos

Luma Rosa disse...

O amor quando sai, deixa um buraco vazio, mas se não houveram mágoas, esse buraco logo será preenchido por novo amor! A cura está em ludibriar esse coração que traidor pensa no antigo amor - A solução muitas vezes é preencher o vazio com pequenos amores, nem sempre um amor romântico.
Li seu poema e pensando na música "Meu bem-querer" de Djavan que bem poderia ser o fundo musical para ele.
Boa semana!

ALİ EKBER ÇELİK disse...

obrigada
belo poesia sandra

Machado de Carlos disse...

As noites caminham a passos lentos. Lembro-me do quanto senti teu corpo como um abrigo e, era feliz em meu sono. Espero-te para; - novamente conjugar-lhe o verbo amar. Senti tuas mãos em meus cabelos... Ai, quanta lembrança!...
Belíssimo poema, triste, mas lindo!
Estou feliz com o teu chocolate! Comê-lo-emos juntos!...

Poemas Proibidos disse...

Beijos... Beijos... Beijos... Eram nossos dias de extrema felicidade!
Via em tua alma uma intensa claridade.
Hoje somente observo da minha janela um casal que se abraça do outro lado do prédio!... Ai, como éramos bons nisso!

Obrigado sempre por sua presença que sempre ilumina a minha página ao gosto inesgotável do teu chocolate! Adoro!... Adoro você também por ser minha grande amiga de sempre!

Deiselangblogger disse...

Oi querida, como estás?
Resolveu o teu problema?
Bjus

Nilson Barcelli disse...

Há quem diga que os males de amor se curam com um novo amor...
E tu pareces acreditar nesse princípio.
Belo poema, querida amiga.
Um beijo.

Sandra disse...

Vamos comemorarmos juntos na Interação de amigos a festa de aniver de uma grande amiga??
Vou te esperar por lá.
Venha brindar, brincar com mais uma amigo na Interação.
é muito bom poder compartilhar com os amigos do coração uma festa entre amigos.
Seja bem vinda.
A Interação de amigos agradece a sua companhia.
VAMOS BRINDAR!!!
Carinhosamente,
Sandra

Everson Russo disse...

As noite longas nos fazem viajar em sonhos, em saudades, em busca da mais perfeita paisagem da escuridão, quando nos abandona o sono, tudo que se move lentamente é um alvo, alvo da poesia, da inspiração, do desejo de um dia poder ver tudo outra vez,,,sentimentos e momentos,,,,beijos querida e uma linda noite pra ti.

Universo Paralelo em Versos disse...

Difícil comentar um poema, é muito fácil pecar. De tudo... verso por verso, penso que você compôs os sentimentos universais, lembrei ao ler teu poema uma frase que marcou para mim do Frank Sinatra de certa forma numa leitura poética surgem inúmeros ângulos, literalmente de impossível transmissão, mas sempre tem um mas e neste mas a alma entende tudo. Parabéns cada poema um pérola nascendo do teu coração para o leitor.

*Mi§§ §impatia* disse...

E as minhas noites ultimamente tem sido assim......
Lindo texto amiga, beijos.

Sheila disse...

Que linda poesia,é nestes momentos de solidão,aos olhos atentos da lua,que surgem as lembranças,os desejos,e as esperanças .Beijos.

Machado de Carlos disse...

Obrigado pelo lindo selinho! Parabéns pelos 400 seguidores. Com a energia pura que você transmite, logo você terá mais de mil seguidores. Torço por você! Gosto de você! Amo você, porque ter amizade também é amar, não é?
Beijos com muito chocolate!
Ka,

PASH disse...

que coisa mais linda seu cantinho... adorei o blog =)

Fico feliz que tenha gostado do post da PASH no mimo chic... pois tambem amei conhecer melhor um pouco de você!!

Quando der da um pulinho no meu conatinho..

http://www.pashloungewear.blogspot.com/

Vou amar =)

Ja estou te seguindoo...

mtoss beijosss

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Quanta tristeza pode causar um amor. Mas ainda bem que a amiga não é das que ficam eternamente a se lamentar. Chuta a bola pra frente e um novo amor há de encontrar.
Belo poema, querida, e parabéns pelos 401 seguidores.
Beijos!
Renata

Everson Russo disse...

Um beijos super carinhoso pra desejar um dia lindo de poesia e paz...

angela disse...

Parabéns pelos 400 seguidores, mais do merecidos.
beijos

José Sousa disse...

Olá qurida Sandra!
Lhe juro, do fundo do coração, me senti neste poema! Mexeu muito comigo, até me arrepiei! Lindo,

Un grande beijo bem achocolatado.

Fernand's disse...

como dói a falta, o vazio...




bjs meus

AC Rangel disse...

Nunca deixamos de amar.
Nunca.
Ainda vou poder mostrar...

beijos

Janine Bettencourt disse...

Não fiques assim triste, a melancolia de um amor que se perdeu deve ser dos piores sentimentos.
Querida, pensa nos momentos bons, na alegria e nos sorrisos. E desabafa, sempre.

Vem que eu dou-te um colinho :)
Beijo,
Jana

Pérola disse...

Estou nessas palavras,minha flor.
Lindo demais.
Tá chegando heim!!!
Beijos mil.

Pat. disse...

Obrigada minha amiga por sua fiel amizade na minha ausência. Estou de volta, tudo se acalmou e agora meia férias...

Teu blog continua maravilhoso.. e teus poemas, as palavras que sempre preciso ler...

Um beijo com todo carinho do MUNDO!

evanirgarcia disse...

Querido amigo,,fiz uma homenagem para meu querido Everson Russo,
E a todos os amigos dele no meu blog ,,
Conto com sua presença na postagem .
Um abraço carinho ,Evanir
www.fonte-amor.zip.net
é esse o endereço do blog..

José María Souza Costa disse...

Belissimo. estou lhe convidando a visitar o meu blog, e se possivel seguirmos juntos por eles. Estarei grato esperando por vc, lá
Abraços

Ana Luiza F. disse...

Sandra, parabéns duplo, menina!!! Parabéns pelos 400 seguidores - sucesso merecido. Parabéns por esse grito de amor e de saudade. De amor e de falta. Ou eu, ando emotiva por demais, ou esse poema mexeu com a trsiteza que anda aqui. Bjs

Phivos Nicolaides disse...

Que lindo! Bjs querida amiga Sandra.

Manuel disse...

Mas que se passa cara amiga?
Tanta angustia e solidão.
Olhe por essa janela, pois não tarde a Sol vai voltar a iluminar e a aquecer com um amor que será a cura!

Espaço Aberto disse...

Nosso blog conta hoje com a entrevista do ator Eduardo Tornaghi.
Venha conferir e deixar o seu recado!
Um abraço carinhoso

Zé Carlos disse...

Sandrinha, posso ser sincero? Tá certo que perdi uns dias pois estava trocando de notebook e até instalar tudo no atual, perdi tempo, mas como vc está na coluna da direita dos meus blogs, sempre que te vejo venho aqui.....

Acontece que fico perdido, só olhando as suas fotos maravilhosas... e depois acabo indo embora sem comentar. Menina vc está muito linda!!!

"O dia já está chegando, amanhecendo...
Trazendo nos seus braços, a claridade.
Me despertando pra uma nova procura,
Encontrar um amor que seja a cura!"


Quer ajuda de bom grado???

Beijão do Zé Carlos

Mila Lopes disse...

Olá Sandra!

Linda sua poesia, escreves muito bem...

Bjs

Mila

Lidia Ferreira disse...

minha querida,
por incrível que pareça eu vivi algo parecido rsrs esse poema e lindo
bjs

Sueli disse...

Huummmm... essa janela...rs. Vão-se os amores, mas ficam as janelas, não é? Só lhe peço que não a feche nunca. Através dela seu olhar poderá encontrar-se com um novo... olhar. Beijão!

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Sandra
A insônia nos faz voltar ao passado, e as lembranças afloram em nossos pensamentos. Momentos vividos e marcados em nosso coração, nos fazem viver a esperança de que tudo pode ser colorido outra vez.
Pequei o selo obrigado.
Bjux

Everson Russo disse...

Lindo seu comentario no Livro, eu penso que é sempre bom falar de Deus,,,e mais, sempre bom colocar as coisas de Deus acima de tudo,,,beijos de bom final de semana pra ti querida.

El Brujo disse...

Se acha realmente que ficam bem riscados em papel, faço da minha pele papel pra riscar vc!

Daniel Savio disse...

O dia tras novas perspectivas, de novas felicidades, ou possibilidade de lutar por ela...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.