segunda-feira, 14 de março de 2011

Covardia


Que seja pequena a dor deste poema...
Mas que seja verdadeira a dor derradeira...
Que as lágrimas que hoje ela chora,
Que o amor que hoje ela implora,
Mesmo que indefinido e sombrio...
Passe breve ;como o rio!
Que essa tristeza não a destrua.
Que ela se esqueça da imagem tua!
Que ela seja condenada a solidão,
Por não ter ouvido o seu coração!
Por covardia ela deixou de sonhar,
Trancou na bagagem o direito de amar!

Sandra Botelho

43 comentários:

Sandra disse...

Passará querida!
Na vida tudo passa: o bom e o mau...
Beijinho

Pamela disse...

O amor e suas dores colateráveis...
Na vida por mais que tudo paraça forte, intenço e destruidor, a uma escolha de amor próprio que nos faz ir em busca da superação.. ir buscar felicidade!! Espero que lgo a encontre...
Lindo texto... E Feliz dia da poesia!! heheh
tenha um ótimo dia... beijo.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá menina
Parabéns pelo dia dos poetas, que a vida seja sempre sua inspiração.
Beijos

Paulo Francisco disse...

Feliz dia da poesia pra você também, Sandra!

R.B.Côvo disse...

Não devemos nunca negar-nos o direito de amarmos. Abraço.

Luna Sanchez disse...

Oi, querida!

Tá lindo o lay novo, viu?

Cliquei no play mas não consegui te escutar por conta da música que começa automaticamente...como faz?

Beijo!

A.S. disse...

Não se pode virar as costas ao amor!!! Quem não ama não vive... apenas existe!


Beijos, querida!
AL

PauloSilva disse...

Muito obrigado Sandra :)

Muito lindo. É impressionante a sua maneira de escrever e descrever. É fantástico ler estes seus pequenos e puros poemas!

A covardia não pode ser a entrave de nada, nunca.

Beijo enorme *

Lidia Ferreira disse...

Só pelo fato de voce escrever ja sera pequena sua dor
bjs
Feliz dia da poesia

ASTROTERAPIA disse...

Oi Sandrinha, etâ projeção difícil!!! rsrs, bjs no coração.

Machado de Carlos disse...

Querida Sandra,

Neste dia, o dia da poesia, encontro-me neste aconchego, com os poemas que são luzes que invadem o meu coração, cujas imagens de chocolates, levam-me a amar com músicas que embriagam a alma.
Muito obrigado, sempre pela sua sintonia em nossos versos!
Beijos!...

Lena disse...

Sandra,

Não "tranque" seus sonhos. Você acabou de ler no Além dass Nuvens que devemos acreditar neles para que se realizem.

Ainda não estava te seguindo nesse seu blog. Fiquei encantada e agora vou ficando por aqui.

Uma excelente semana pra você! Bjs.
Em tempo, adoro os beijos achocolatados...

Majoli disse...

Minha doce poetisa, parabéns pelo teu dia.
Chocolate querida, suas poesias são sempre marcantes, sempre falando do amor em seu mais completo teor.
Me senti ali, deitada, quero viver assim não.
:(
Beijos enormes no teu ♥, cheios de saudades.
Amo você. viu?

*Mi§§ §impatia* disse...

Amiga vc escreveu esse poema pra mim?rs Pq tá perfeitinho pra mim viu? rs
Boa semana querida, beijos.

IsaBele disse...

Se "hoje a tristeza não é passageira", lembre-se que "tudo passa, tudo passará"...

Carinho em você, minha linda.

Isa :)

IsaBele disse...

Se "hoje a tristeza não é passageira", lembre-se que "tudo passa, tudo passará"...

Carinho em você, minha linda.

Isa :)

IsaBele disse...

Se "hoje a tristeza não é passageira", lembre-se que "tudo passa, tudo passará"...

Carinho em você, minha linda.

Isa :)

IsaBele disse...

Se "hoje a tristeza não é passageira", lembre-se que "tudo passa, tudo passará"...

Carinho em você, minha linda.

Isa :)

claudete disse...

Parabéns à poetisa por todos os seus dias de lindas poesias, esta de hoje, fechou com maestria " Trancou na bagagem o direito de amar"- é o que fazemos a maioria das vezes.Bjs.

Janine Bettencourt disse...

Oi Sandra :)
Por muita dor que este possa causar, não devemos nunca abrir mão do Amor.
Ele magoa por vezes, mas é tão bom sentir o aconchego no coração, aquele calorzinho bom...
Eu amor amar e amo ser amada...
Você é linda, poetisa...
Beijo no teu coração!

Everson Russo disse...

Lindissimo,,,que todas as dores de amor sejam passageiras,,,sejam breves...e o sol volte logo a brilhar....grande beijo de bom dia pra ti querida.

Pelos caminhos da vida. disse...

Tudo nessa vida passa, essa dor tb vai passar.

Um gdeeeeeee abraço amiga e, obrigada pela sua companhia.

Bom dia!

beijooo.

Assis Freitas disse...

poesia todo dia, diariamente


beijo

RELTIH disse...

UFFFFF, UNA IMAGEN QUE DEVORA!!!
UN ABRAZO

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Sandra, gostei do seu poema...Espectacular....
Cumprimentos

Rosemildo Sales Furtado disse...

Como dizer não ao amor, se o amor é o fomento maior da nossa existência?

Beijos,

Furtado.

Sonhadora disse...

Minha querida

Passando para oferecer o meu selinho de 500 seguidores...feito de amizade e carinho.

Beijinhos
Sonhadora

Perola disse...

EU VOLTEI.
BEIJOSSSSSSSSSSSSSSSSSSS

Sonia Pallone disse...

Em meus caminhos poéticos vc sempre estará, deixando os rastros da sua emoção...Lindo poema querida amiga. Bjs.

Marcia Morais disse...

Um poema Forte! muito bonito bjs!

Everson Russo disse...

Imenso beijo de bom dia pra ti querida amiga,,,,

Luna Sanchez disse...

Agora sim consegui te ouvir...adorei! Voz linda, palavras sábias : somos mesmo como mosaicos.

Beijos, querida!

ASTROTERAPIA disse...

oi chocolatinha rsrsrs, passei pra deixar um abraço. Cynthia.

Braulio Pereira disse...

querida Sandra

obrigado pelo teu carinho .
que o sol brilhe sempre no teu coraçâo.

poeta Amada te quero


beijos doces!!

flor!!

Perola disse...

Eu ñ sumi ñ,te enviei um imail já tem alguns dias pedindo o número do seu telefone pq até então eu acreditava que estivesse o esquecido na creche pois os meus contatos estão todos na agenda dele. O fato é que a minha dignissíma filha o pegou da minha bolsa e levou para a escola sem eu saber,conclusão: Ela o perdeu.
Fiquei sem contato nenhum.
Senti muitas saudades mas aguardei o número do seu telefone.
Beijos amada,de volta de novo.
Correndo atrás de me precaver contra denúncias,isso já virou palhaçada.
Beijokas millll.

Perola disse...

Sandra eu ñ estou conseguindo colocar o seu selindo no meu blog,quando tem código é fácil mas sem eu ñ consigo pode me ajudar?
Beijos milll.

Daniel Costa disse...

SANDRA

Deixar de sonhar por cobardia nunca. Temops de ter sempre que ter mente, vida é bela vale a pena ter o sonho lindo de vivê-la amando.
Beijos

A.S. disse...

O meu beijo querida!

AL

ONG ALERTA disse...

O agora já é passado...
Beijo Lisette

Marli Borges disse...

Que poema lindo, menina! Você escreve muito bem!! Bjsssssss

Everson Russo disse...

Um grande beijo de bom dia pra ti querida...

Elaine Barnes disse...

A dor é sempre inevitável e como gostaríamos de arrancá-la com as próprias mãos do peito da gente. Porém quando ela se vai porque jÁ DOEU e decidimos não sofrer mais,sempre deixa uma lição. Sempre abre a porta do que estava fechado ou fecha o que estava tão aberto e exposto. Amei! Montão de bjs e abraços

José Sousa disse...

Mais um lido poema, como sempre tem uma componente, a sensualidade! Lindo, de uma linda mulher.

Beijo