quarta-feira, 15 de junho de 2011

Ardente, caliente, quente!



Sucumbo aos teus apelos
Eriço meus pelos...
Como gata selvagem...
Mistura de amor , paixão e  sacanagem
Arranho teu corpo...e me deito em teu dorso!
cavalgo..me viro, deliro...em teu corpo me inspiro!
.Desvairada os cabelos te entrego e com força seguras...
Me prende a teu corpo...me entrego...loucuras...
Permito... E nesse momento desvario...
De prazer sorrio,,,
E assim sinto...Apenas o teu gosto em minha boca!
Sou selvagem, menina, mulher e louca!
Deslizas tuas mãos tateando cada parte de meu corpo...
Em meus pequenos detalhes estás absorto!
Perdida em sensações enlouqueço...te mordo!
Quero-te agora, nesse instante...Um romance
ardente, quente, caliente...fervente ,vulcão! 
Que explode de desejo e tesão..
Dois corpos que ainda alimentam a mais ardente paixão...

Sandra Botelho

33 comentários:

Xipan Zéca disse...

Sandrinha....

Sempre muito "echiTTante" ler você.. rss

Passando pra te deixar um big beijo
Deussssssssssssssssssssskiajude
Tatto

Ira Buscacio disse...

Sandra, minha querida amiga, que avalanche de sensualidade!
E quem não quer arder nesse fogo, não é msm?
Bj grande

Arnoldo Pimentel disse...

Você mistura amor e sensualidade de forma linda e poética, beijos.

Mafia Sonora disse...

Olha a temperatura global subindo delícia de texto com certeza, beijão Sandra :-)

Márcia disse...

que delícia de poema....rsrsrs

Lindo dia pra ti....bjus *-*

Everson Russo disse...

Assim são dois corpos apaixonados quando se encontram,,,quando se conectam,,,quando se desejam...grande beijo de lindo dia pra ti querida amiga.

Assis Freitas disse...

dois corpos em estado de implosão,


beijo

Alguém... disse...

Muita paixão e sobretudo amor.

Beijinho querida*

angela disse...

Sempre ardente e caliente amiga.
beijos

Wanderley Elian Lima disse...

Paixão, tesão e prazer, coisas que fazem a vida mais colorida. Amei.
Bjux

ONG ALERTA disse...

Que este desejo perdure, beijo Lisette.

RELTIH disse...

GUAUUUUU, QUEMAS!!!!
BESOS

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Sandra! belo poema. Dotado de muita sensualidade. É como dizem os mais experientes: sopa, café e mulher, só presta quente. Rsrs.

beijos,

Furtado.

Alvaro Oliveira disse...

Olá amiga Sandra

Muito intenso e excitante.
É sempre prazeroso ler neste lindo cantinho.
Beijinhos
Alvaro

Amordemadrugada disse...

Ui Ui Sandrinha!
Olha lá ...que sou humana, flor! hihihi
Muito sensual, menina!
Besito doce em tu!
;)

Sandra Ribeiro disse...

Erotismo de bom gosto é meu assunto favorito, e se está ilustrado com uma bela imagem, ai então nem se fala! Você tem talento e bom gosto, elogiar é chover no molhado, se me permite o uso da expressão tão antiquada!

Marcia disse...

Sempre apaixonante ! árabéns pelos dois anos !bjos!

Machado de Carlos disse...

Ao vê-la trocamos beijos. Nossas línguas se encontraram.
Vi tua pele toda eriçada.
Com minha boca feliz degustei o teu corpo selvagem.
Um amor, muito demorado nos levou de corpo e alma a um Céu absoluto.
Vi muita felicidade naqueles momentos infinitos de puro amor.
Um amor fatal!

Belo o seu poema! Fiquei feliz ao lê-lo, principalmente degustando uma barra de chocolate puro.
Beijos, Sandra!

Charliane disse...

Uíii...que texto é esse.adoreiiiii....muito bom! Apreciei muito seu cantinho! Te seguindo....abraços e bom dia!

Yohana SanFer disse...

Uall...pedidos do desejo..sempre intensos e belos teus escritos! bjs Sandra!

Everson Russo disse...

Um lindo final de semana pra ti querida amiga...beijos e beijos e muitos versos....

A.S. disse...

Absorvo teus gemidos no meu peito
como ecos surdos que me acariciam
e teço melodias com a tua voz...


Beijos querida!
AL

Parole disse...

"Sucumbo aos teus apelos
Eriço meus pelos
Como gata selvagem..."

O poema todo é muito bom, mas esse início é uma delícia.

Adorei, Sandra!

Beijos e um lindo fds.

PauloSilva disse...

Você consegue misturar o prazer, as loucuras, o sexo com tanto romance. Tão profundas as descrições, muito bom, muito bom!

Adoro te ler!
Beijos.

Long Haired Lady disse...

meu corpo sempre sucumbe ao dele...

Elaine Barnes disse...

Maravilhoso miga! Escolheu as palavras perfeitas pra descrever toda a sensualidade e prazer que o desejo inspira. Quando dois corpos se encontram assim sensação é de ser únicos no planeta. Adorei! Montão de bjs e abraços

Rabiscando Poesias disse...

Seus versos são quentes , adoro te ler , beijos e um ótimo final de semana

wcastanheira disse...

Uuauua q delicia, bem quentinho, instigante, provocante, excitante, gosto bastante, fico delirante, um tio, mas um tio...Vibrante, pra vc depois dese belo presente bjos, bjos e bjosssssssssssssss

Jorge Pimenta disse...

querida sandra,
as sensações explodem da boca do mesmo modo que fervilham na pele. sem falsos moralismos, hipocrisias, ou assunções politicamente correctas.
um beijinho com ternura e chocolate!

Nilson Barcelli disse...

Mais um excelente com a tua imagem de marca: força e sensualidade.
Minha querida amiga Sandra, tem um bom fim de semana.
Beijos.

Flor da Vida disse...

Ah amiga!
Amo ler teus sempre afogueados versos de paixão! rsr...
Muito lindo!
Aplausos!!!

Carinhos mil pra ti, viu?
Beijos de flor.
Suelzy

Paulo Tamburro disse...

SANDRA,

cada vez melhor!!!

Deixe que aparentemente, eu mutile seu poema e dele destaque três palavras:

Permito,te mordo e paixão.

As mulheres que dão as mãos a permissividade responsável, de doação e mútua troca destes mais fortes odores de feromônios em meio a tempestades de sensualidade,achocolatados ou não,rompem as fortes convicções do homem e inevitavelmente, é o primeiro passo para a troca.

Quando esta mulher morde, ela desperta no homem, um sazonal e passageiro sentimento de que ele está submisso, situação a que nós nunca gostamos de reconhecer que estamos.

E no entanto, ao revidarmos, ai sim, uma loucura de satisfações e plena implosão de posse nos incita e excita, a continuar forte e juntar vigorosamente, os corpos.

É isto que simplificadamente, chamam de "pegada".

Logo, uma mulher que nos permite e provoca, vai achar sim, este sentimento tão descutível mais que representa a plenitude de um futuro amor, ora em descontrole, e principalmente,por parte de homens que costumam dar o lugar de deusa, àquela que os outros a tratam somente, como mais uma mulher.

Tolos, não sabem o sabor da permissividade, de uma mordida provocadora e as coinsequências deliciosas de uma paixão descontrolada.

Sandra,e pensar que você só faz propaganda do chocolate.

Um abração carioca, minha querida amiga virtual.

Severa Cabral(escritora) disse...

Realmente ardente...caliente...quente...
Assim é vc...como gosto de ler tudo que expressas em palavras escritas...
Bjssss

Meu sereno amor

Meu pequeno pedação de sonho! Me leva pra passear? Por ai em qualquer canto, onde o sol me descanse do calor... Me lembra...