sexta-feira, 29 de julho de 2011

Onde morrem os sonhos...

Onde estarão meus sorrisos?
Mergulhados no lamaçal da dor?
Sufocados em algum amor?
Onde está minha alegria?
Aquela que de tudo se ria...
Perdeu-se na longura da tristeza?
Já não vê no mar tanta beleza...
Foram-se embora os desejos,
o gosto doce que tinha o beijo...
Onde se escondeu a inconsequência? 
Encerrou-se nessa eterna sonolência.
Plantou-se a flor e não regada...
Hoje jazz murcha e amarelada.
Ressecou-se a tez cheia de viço...
fez-se do ouro, puro lixo!
Morreu a vontade imensa de viver
silenciou-se a voz que dizia
que viver é quase uma alegria
Dorme na pedra, tremula e fria.
Ouvidos cerrados pra todas as canções.
Roubaram-lhe suas emoções...
A menina que namorava sorrisos,
hoje carrega olhares imprecisos.
E chora, molhando a terra do coração...
Na esperança de vicejar a paixão!

Sandra Botelho

45 comentários:

Everson Russo disse...

As vezes plantamos essa tristeza na alma, perdemos sonhos, amores, desejos, ficamos ali parados, inertes esperando o tempo passar,,mas temos na verdade que acreditar nos sentimentos,,,nos versos e em tudo que nos faça de novo sonhar...beijos de bom final de semana.

Toninhobira disse...

Quando a tristeza se faz presente e as lagrimas adubam o chão, vem esntão este anjo,que cantando embala uma canção, que vai amenizando esta dor que vem do coração.E renasce a esperança que faz brotar o amor.
Lindo e inspirador poema minha amiga.
Um abraço mineiro de paz.
Bju de luz nos seus dias.

Cristal de uma mulher disse...

Muito bonita a forma que vc espanta a tristeza da alma. Maisum dia esta dor maiorpassa Sandrinha ainda que não esquecida mais amortizada pelo tempo.
Voltar a sonhar os sonhos ainda é o melhor para o ego.

Beijos amiga querida

Mila Lopes disse...

Os sonhos morrem qndo morre a vontade de viver, de amar outra outra vez....
bjsssss e lindo texto, mesmo tristinho *_*

Marcia disse...

Minha menina achocolatada,passamos por momentos de transformação constante e por vezes a onda é maior que a areia pode aguentar.Então somos arrastados,mas...a areia sempre volta ao seu devido lugar e mais pura e refinada pelas ondas de um bravo mar.
Um beijo querida!

Ingrid disse...

linda..
ainda bem que tudo passa...
beijos perfumados cheios de saudades

ONG ALERTA disse...

Os sonhos náo morrem, eles podem adormecer por um tempo apenas...beijo Lisette.

angela disse...

Triste e desencantado, mas muito bom.
Gostei muito.
beijos

José disse...

Que é feito do vigor dessa mulher, que eu estava habituado a ver, deixou de ser a mulher que era
lá por um sonho morrer
não acaba a Primavera.

Bom fim de semana,
Beijinho,
José.

Manuela Freitas disse...

Olá querida Sandra,

Estás mesmo no tom do fado!rsssss
Os sonhos não morrem...procuram outros endereços ou então intervalam para surgir mais fogosos!
Beijinhos doces para ti,
Manú

Majoli disse...

Que triste doce Chocolate.
:(

Beijos com carinho enorme no teu coração.

Everson Russo disse...

Muito sorriso e poucas lágrimas nesse sábado pra ti,,,beijos e beijos .

Assis Freitas disse...

vicejar é um bom verbo para conjugação,


beijo

RELTIH disse...

ME SENTÍ DESCONSOLADO...


BESOS

Luna Sanchez disse...

Morrem na descrença, flor. Tenho certeza.

Um beijo grande e ótimo fds pra ti!

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Penso que os sonhos
sempre estão em nós.
Porém as vezes
disfarçados de solidão...

Que em ti haja a alegria
de uma manhã de sol...

Sueli disse...

Oh, amiga, precisamos descobrir urtente onde estão todas essas perdas... Às vezes, podem estar muito mais perto do que imaginas. Adoro você, Bombom!

Machado de Carlos disse...

Olá Sandra!

Tudo bem com você? Não sumi não, estou sempre por aqui e com saudades do Seu chocolate! (Risos!...) Quando, pessoas importantes (assim como você) sentem a nossa falta, nos orgulha muito, pois sabemos que alguém se lembra da nossa existência. (Risos!...)
Eu não sei o que você imagina, mas é visível a chegada do “Facebook” que conseguiu separar os amigos blogueiros, inclusive a concorrência acirrada com o Orkut. Quanto aos poemas, escritos a contento, de acordo com os comportamentos que são mutáveis constantemente. A nossa mente voa a procura de alimento.
Obrigado, Sandra pela calorosa visita!
Ai, que saudades de Minas, heim? – (Risos!...)
Beijos ao chocolate puro!

PauloSilva disse...

São sempre tão profundas as suas palavras...!

Lou Albergaria disse...

Linda amiga,

belo texto!

há presente pra ti no covil da Loba.

Beijos!!!

Delicioso fim de semana!

Sandra Ribeiro disse...

Oi Sandra, vim te visitar, estou ausente do blog mas hoje tirei um tempinho para atualizar e visitar blogs lindos como o teu! Sua poesia como sempre belíssima, um pouco triste...Espero que vc e sua familia estejam bem!

Rosemildo Sales Furtado disse...

Oi Sandra! Passando para te desejar uma ótima semana e apreciar este belo poema, principalmente o trecho abaixo:

plantou-se a flor e não regada...
Hoje jaz murcha e amarelada.
Ressecou-se a tez cheia de viço...
fez-se do ouro, puro lixo!

Aproveito a oportunidade para te comunicar a criação do nosso novo espaço: “Literatura & Companhia Ilimitada” http://literaturacompanhiailimitada.blogspot.com/ , (ainda em formação, mas, já com a primeira postagem) criado com o objetivo de ampliar à divulgação da História da Literatura Mundial e de tudo aquilo que venha contribuir para o crescimento cultural daqueles que o desejarem, assim como, acrescentar mais uma fonte de pesquisas.

Ficaríamos muito felizes e agradecidos de poder contar com a tua visita e, se possível, sermos agraciados com a tua opinião/sugestão, pois, a continuidade ou a solução de continuidade do mesmo dependerá do parecer daqueles que por lá passarem honrando-nos com a visita.

Beijos e que DEUS nos abençoe.

Furtado.

Pedro Miguel SIlva Macedo. disse...

Gosto muito do poema,lindo +.+

Poemas Proibidos disse...

Sua presença é sempre de Luz, num caminho imenso!
Obrigado, Sandra! Tenho aprendido muito com você!
Obrigado!

Beijos achocolatados!...

José Sousa disse...

Oi querida amiga Sandra!

Mais um belo e sensual poema como gosto.
Sempre a escrever amor e sedução! Lindo!
Um grande beijo e passa um bom Domingo

Everson Russo disse...

Uma linda semana pra ti amiga querida,,,muita paz,,,carinho e muitos versos...beijos e beijos.

Flor da Vida disse...

Ainda bem que a esperança existe né amiga?
Lindo como sempre o teu poema!!!

PS. Amada, Receba meu agradecimento por seu apoio e carinho, que com certeza foram fundamentais pra mim nesse meu momento de dor...
Graças a Deus já estou conseguindo dar continuidade aos meus passos, que agora se reinicia em uma nova estrada...
Deus te abençoe eternamente!

Carinhos muitos pra ti.
Beijos de flor
Suelzy

Tô Ligado disse...

Opaaa... passando para te desejar uma excelente semana!

Bjusss

Parole disse...

Triste, mas um belo poema, de uma dor gostosa... acho que não existe dor gostosa, mas é a sensação que ele me passou.

Beijo

Jorge Pimenta disse...

sandrinha, querida,
o lugar onde morrem os sonhos é, também, aquele onde outros sonhos, anteriormente plantados, deixam a semente e se erguem na possibilidade real.
beijinhos e chocolate!

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Pela primeira vez sinto minha amiga Sandra tristinha. Mas tenho certeza que tudo vai passar. Tudo passa, Sandra. Você foi citada no meu blog e tem direito à resposta, acho bom você correr lá. Beijos

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Pela primeira vez vejo minha amiga Sandra tristinha. Vai passar,Sandra,tudo passa. VOcê foi citada no meu blog e tem direito à ressposta, acho melhor você correr lá. Beijos

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Pela primeira vez vejo minha amiga Sandra tristinha. Vai passar,Sandra,tudo passa. VOcê foi citada no meu blog e tem direito à ressposta, acho melhor você correr lá. Beijos

sandrafofinha disse...

os sorrisos,os abraços,os beijinhos,os carinhos,a vida alegre e bonita,as alegrias,tudo isso está onde menos se espera. se formos sonhando mais vamos vivendo. um grande beijinho querida sandra. tudo de bom!! uma mulher com meu nome tem que ser uma mulher bonita.

Sonia Pallone disse...

Minha amiga deliciosa, estou aqui, te lendo sempre com muito amor, me emocionando e torcendo para que isso seja apenas nostalgia de versos...Beijão amada.

Márcia disse...

Oi Menina Doce, seria tão mais suave se não precisássemos passar pela dor, mas sem ela , o sabor da alegria não seria o mesmo....


Tudo na vida passa....isso tb pasa....

Bjs pra vc...linda semana!

Machado de Carlos disse...

Às vezes os sonhos são reais e, precisamos deles para viver!

Beijos!...

Luma Rosa disse...

Ah! O coração está sendo preparado para novas sementes!! ;) Beijus,

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Sandra
Não se deixe abater pela tristeza, para tudo exite um alento, até para a dor.
Voltei.
Obrigado por seu carinho.
Bjux

N. Barcelli disse...

Nunca percas o teu sorriso.
Continua a namorar com eles...
Apesar de algumas nuvens... gostei do teu poema.
Querida amiga Sandra, tem uma boa semana.
Beijo.

Sonhadora disse...

Minha querida

Os sonhos morrem no desencanto dos dias e na solidão das noites sem fim.

Como sempre lindo o que escreves e deixo o meu beijinho com carinho.

Sonhadora

Amor feito Poesia disse...

"Aquilo que está escrito no coração não necessita
de agendas porque a gente não esquece. O que
a memória ama fica eterno."

Rubem Alves

Beijos e meu carinho a todos...M@ria

Álvaro Lins disse...

Os sonhos não morrem... podem ser adiados:)!
Excelente
Bjo

Severa Cabral(escritora) disse...

Minha linda !
Como sempre vc arrazando nas escritas...Os sonhos não morrem...eles adormecem...
Bjsssssssssssssssssssss

Lena disse...

Sandra
Graças a Deus a tristeza vem mas vai embora, é uma coisa cíclica. Pelo menos, um benefício a gente tira: saímos mais fortalecidos do que quando ela se apossa de nós! Belíssimo poema, mesmo carregado de tristeza. Bjkas com muito carinho!

Meu sereno amor

Meu pequeno pedação de sonho! Me leva pra passear? Por ai em qualquer canto, onde o sol me descanse do calor... Me lembra...