terça-feira, 31 de março de 2009

Indignação

A alguns dias fiquei chocada com uma noticia que vi na televisão, em um telejornal. Esta noticia alem de me chocar me deixou enojada, desesperançada, realmente sufocada, me levando até a sonhar com o fato.
Uma menina de nove anos, abusada pelo pai e gravida...Sendo levada pela mãe para uma clínica de aborto.
Uma criança, gravida de outra criança e abortando.
É só uma menina, apenas uma menina que com certeza
ainda brinca de bonecas.
Ainda fecha os olhos e sonha que vai ser medica, que vai ser dentista, que vai se casar com um príncipe encantado, e por quantas vezes ela deve ter esperado ser salva por ele, enquanto era destroçada, enquanto sua infância lhe era roubada, arrancada a força.Ou que nem pensa nisso ainda, tamanha ingenuidade, tamanha a limitação da mente de uma criança...
Uma criança que foi violentada naquilo que tem de mais seu, de mais absolutamente seu.
E o pior isso aconteceu dentro de casa, na família, e não é só um caso isolado, todos os dias crianças são abusadas sexualmente e moralmente, dentro de suas casas, por seus pais.
Aqueles que deveriam protege-las, ampara-las, ama-las.
O que está acontecendo com as famílias, será que o amor de pai, de mãe, acabou?
Nem os animais ditos irracionais agem dessa forma.
Como se sentirá essa menina quando ela absorver tudo isso, quando tiver consciência do tamanho da violência que sofreu?
Quem estará lá com ela para lhe afagar os cabelos e dizer que lhe ama?
e arrancar de dentro do coração dela tamanha dor?
Que pai é esse, que ser é esse, que mantém instintos tão nojentos, tão imundos, tão horriveis?
Não se pode chamar de pai um monstro desse.
Ainda em uma revista certa mulher agora com 25 anos, conta que foi estuprada desde os treze anos até os dezesseis pelo padrasto, e quando a mãe se separou dele, ela tomou coragem e contou. O que ouviu da mãe é mais horrivel ainda:
A mãe disse:
Se durou tanto tempo é porque você deve ter gostado. Qual criança gostaria de ser violentada, machucada, chantageada?
Que mães são essas?
Geralmente as mães protegem suas crias com a própria vida.
No mundo animal elas matam pra proteger o filhote.
Tenho visto tanta coisa neste mundo que chego a pensar, que assim como foi antes do Diluvio, quando Deus olhou para a humanidade e deplorou ter feito o homem, e sentiu-se magoado no seu coração e decidiu destruir tudo com o diluvio, ele deve se sentir muito pior hoje.
O homem de hoje com suas atitudes não se assemelha em nada aquele homem que Deus criou.
E encham a terra e se tornem muitos ...E não se matem, não mintam,não estuprem, amem seus filhos, amem seu próximo...
Se o homem ao menos se esforçasse para seguir estas ordens, certamente pais não violentariam as filhas e mães não seriam passivas diante disso.
As vezes me pergunto porque? Porque são tão cruéis com sua própria cria?
Que tipo de pessoas o mundo tá gerando, que tipo de monstros estamos criando.
Deus é amor e se fomos criados a sua imagem e semelhança, porque esse amor está se esgotando no homem?
Não me atrevo a comparar as atitudes humanas , com as dos animais, atitudes animalescas, são irracionais,
os animais matam para comer, o homem mata por prazer, por motivos mínimos,
Os animais protegem a cria, o homem a violenta, estupra.
Os animais se apegam... O homem, é ingrato e cruel.
Os animais não podem ser nem de longe comparados aos homens, a crueldade humana chegou ao limite.
Que Deus tenha misericordia de nós.
Sandra Botelho

2 comentários:

Paula disse...

Que Deus tenha mesmo`.
É mesmo repugante esse tipo de coisa.
Embrulha o meu estomâgo, imaginar pais, padratos, enfim, homens com esse tipo de atitude. Mas aí me lembro, não são homens, e nem animais como brilhantemente você colocou flor; são monstros incategorizavéis.
E essas mães, bom que Deus tenha piedade da omissão e do acoitamento. Porque a nós, só resta o desprezo.

Samuel Balbinot disse...

Boa tarde Sandra.. dificil sim de falar nesses assuntos pq só vemos absurdos, assassinatos, estupros, suicidios... é assim o tempo todo..
e tem gente que nãoa credita em vida após a morte.. existe aquela lei do retorno.. só o ser que sofre algo assim poderia saber o que poderia ele ter feito numa vida passada... como fiz regressões posso dizer que nenhum de nós foi santinho nas vidas ja idas.. se hj temos uma vida mais suave é pq quitamos a nossa divida.. estes estupradores, e toda esta escória são almas muito novas que tem que aprender muito.. e vão levar uma atrás da outra..
sugiro a vc que ouça Co criador consciente- Hélio Couto
procure no youtube por este video.. ele fala muitas coisas que é pra sair chocado e tb entender como o sistema funciona.. bjs e um lindo dia

Meu sereno amor

Meu pequeno pedação de sonho! Me leva pra passear? Por ai em qualquer canto, onde o sol me descanse do calor... Me lembra...