sábado, 11 de abril de 2009

Feriado

Quantas possibilidades um feriado nos traz, a possibilidade de fazermos coisas que estão por fazer a tempos, ainda mais quando este feriado é prolongado.
Alguns se programam para irem ao litoral, outros pra dormirem muito, pois não é fácil acordar cedo todos os dias...Ainda outros para ficarem de papo pro ar sem se preocuparem com o relógio, as vezes ,até o escondendo de si mesmos.
Estive pensando em quanto tempo não revejo meus amigos, aqueles que moram em um bairro mais distante , que tal fazer-lhes uma visita? Certamente ficariam felizes, já que vivem cobrando,então decidi pegar o telefone e ligar, avisando da minha visita.Mas acho que todos foram viajar, ninguém em casa.
Então decidi tirar esse tempinho pra mim, colocar minhas coisas em ordem, arrumar armários, jogar fora coisas que estão somente enchendo lugar no armário.Me assustei com quanta coisa agente guarda sem necessidade, nem sei porque temos tanta roupa, tanto calçado, tanta bijuteria, e guardamos porque talvez um dia nos seja útil, e esse dia nunca vem... Relacionei isso aos nossos sentimentos. Quantos sentimentos guardados, rancores, magoas, lembranças ruins de pessoas que nos feriram. E nesta hora decidi fazer com aqueles sentimentos o mesmo que fiz com as roupas e todo o resto que não me serve mais para nada. Joguei no lixo velhas magoas, já que elas só ocupavam espaços em meu coração que poderiam ser ocupados por coisas boas, por emoções sinceras e verdadeiras. Afinal certas pessoas e sentimentos são facilmente descartados por só causarem tristeza ,por serem protagonistas da dor. Senti um alivio enorme, foi como se meu armário interno estivesse limpo depois de uma faxina de sentimentos.
Deixar sentimentos velhos, em nosso coração, faz com que ele fique embotado, embolorado, lotado e cheio de traças que consomem todo o resto que de bom, sem espaço pra felicidade.
O feriado pra mim foi maravilhoso, alem da faxina material, fiz também minha faxina emocional.
Deveríamos ter um feriado especifico para isso, seriamos mais leves, mais felizes, mais brandos .
Mas de nada adiantaria nos esvaziarmos de coisas ruins se não perdoássemos aqueles que nos fizeram tais coisas.Seria como se tivéssemos retirado velhas roupas, velhos sapatos do armário e os deixássemos ali de lado em um canto, e aos poucos os recolocássemos de volta lá .Então parar, refletir, se esvaziar de verdade, esquecer mesmo , enfim, perdoar é o único jeito de ficarmos realmente livres desse peso morto.
Visto que somos imperfeitos e acumularemos depois de um tempo, traças em nosso armário emocional, que tal instituirmos um feriado por ano para nos faxinarmos emocionalmente?
Eu sou a favor e você?
Se limpe, se lave, se renove, e principalmente aproveite para se purificar, afinal temos um exemplo maior que é Jesus.
Ele perdoou até aqueles que o pregaram em uma estaca de tortura.
Ele é perfeito claro, mas se nos esforçarmos podemos nos aproximar de suas atitudes, afinal não fomos feitos a imagem e semelhança de Deus?
Um ótimo feriado para todos.
Sandra Botelho

2 comentários:

Paula disse...

Um feriado é sempre tempo de tudo.
De amar, de pensar, de se pufificar tirando as coisas que mal nos fazem. Essa habilidade de resvalar o coração, retirando as velhas e grudentas mágoas, para dar lugar a maravilhosos novos sentimentos é uma atiude linda.
Beijooo

Anônimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=9jD0XqnpO58