terça-feira, 16 de março de 2010

Desencanto

Um dia me perdi em um sonho, Me envolvi em palavras de mel! E me deixei levar por inverdades, Sonhei alguém que me levaria ao céu. Vesti em meu corpo o sabor do amor... Retirei do teu corpo o meu calor, Senti de tua boca o doce sabor, E amei você com todo fervor! Tuas palavras eram balsamo benigno, Teu cheiro perfume que me embriagava... Teu olhar tudo que eu sonhava, E você era meu mundo, meu signo! De repente tudo se rompeu, Aquele amor que era puro se corrompeu. A injustiça que deixou uma ferida aberta, Fez da dor uma companhia certa. Uma acusação tão falsa e inconsequente, Vinda de um amor que era pra sempre. Transformou um coração apaixonado, Em um deserto infértil e ressecado. Sandra Botelho!

28 comentários:

amor disse...

sandra.

Lindo na forma, triste pelo contiudo do desencanto..

Muito amor...Beijos

Amor

Meri Aleixo disse...

Lindo poema mulher

que inspiração é essa Sandra

ótimo dia minha amiga

Daniel Savio disse...

Mas menina, não era apenas ele, então continue a se corajosa e procurar a felicidade...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

Sonhadora disse...

Minha querida
Como é lindo teu poema...desilusão, como te compreendo.

beijinhos
Sonhadora

Beatriz disse...

Sandra! Foi tu? Que intenso, muito lindo!

Júlio Castellain disse...

...
Gostei muito.
E da música tbém.
bjs.
...

El Drac disse...

Dicen que la herida más profunda nos lo da la persona que más queremos no tanto por el mal en sí , sino porque de esa persona nunca esperamos nada malo. Un abrazo

L'amant disse...

Teu cantinho sempre lindo.
Amei a poesia.
Saiba que o amor sempre existirá...
Beijos (achocolatados)
;)

Sarah disse...

Triste, mas há tanta beleza na tristeza, que até me atordoa.

Caurosa disse...

Olá minha cara amiga Sandra, são os encantos e os desencantos do amor, porém, nunca desistimos.

Paz e harmonia,

forte abraço

C@urosa

Pérola disse...

O tema do seu poema é tão comum amiga.Se eu for dar corda para tudo o q ouço vou passar o resto de minha vida me machucando.
Beijokas minha linda poeta.

Ricardo Calmon disse...

Inspiração tua me fortalece e de pé coloca,me energiza,obrigado pelo abraço teu ,amei,aprovetei e um cheirin no seu cangote dei affff!

te amooooooooooooooo

viva la vida

ONG ALERTA disse...

Lindo, triste pode até ser mas na vida tudo dura o tempo que precisa...paz.

Felina Mulher disse...

Melancólico...to te desconhecendo,o que houve? roubaram tua alegria?


Um beijo amiga.

Elaine Barnes disse...

É fogo, a gente só sofre desilusões porque se iludiu.A gente só sofre porque cria expectativas demais. Assim é a vida entre encantos e amarguras vamos crescendo e aprendedo nos amar mais que a qualquer pessoa.Lindo! Montão de bjs e abraços de ternura

Alvaro Oliveira disse...

OLÁ SANDRA

MINHA AMIGA, O AMOR TEM COISAS ASSIM. QUANDO SONHAMOS O CÉU E NOS
ENTREGAMOS POR COMPLETO A UM AMOR QUE ACREDITAMOS DEMAIS, PODE SER
O PRINCIPIO DE UM DESENCANTO.
LINDO ESTE POEMA, EMBORA DE UM AMOR QUE DEU DESENCANTO.

BEIJOS

ALVARO

Fátima disse...

Querida menina!

Se a acusação foi falsa, não merecia amor tão lindo nem tão completa intrega...espera quem te mereça, vai vir tenho certeza.

Fique em paz.
Beijo.

angela disse...

A decepção quando se ama é muito doida.
Belo poema
beijos

O Santo Forte disse...

MUITO OBRIGADO POR TUDO RETA FINAL DA CAMPANHA...

Ricardo Calmon disse...

Bom Diaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa,
Sandraaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa,acordei com o rosto todo achocolatado,vc é peralta minina danadinha!
acuerda para a vida mininaaaaaaaaaa

bzus bzus

A Magia da Noite disse...

perder-se num sonho é esperar que este se realize, sem saber que já existe.

Maria Bonfá disse...

Sandra que triste ! nossa apertou meu coração.. está lindo como todos os que vc faz.. mas ess me emocionou.. beijos minha linda..saudade

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Lindo! Porém triste*************
For you, my dear!

"Conta a lenda árabe que dois amigos viajavam pelo deserto e,em um determinado ponto da viagem, discutiram e um deu uma bofetada no outro. O outro, ofendido, sem nada poder fazer, escreveu na areia:


HOJE MEU MELHOR AMIGO ME DEU UMA BOFETADA NO ROSTO.


Seguiram adiante e chegaram a um oásis onde resolveram banhar-se.O que havia sido esbofeteado e magoado começou a afogar-se, sendo salvo pelo amigo. Ao recuperar-se, pegou um canivete e escreveu em uma pedra:


HOJE MEU MELHOR AMIGO SALVOU MINHA VIDA.


Intrigado, o amigo perguntou:


POR QUE, DEPOIS QUE TE MAGOEI, ESCREVESTE NA AREIA E AGORA,ESCREVES NA PEDRA?


Sorrindo, o outro amigo respondeu:


QUANDO UM GRANDE AMIGO NOS OFENDE, DEVEMOS ESCREVER ONDE O VENTO DO ESQUECIMENTO E O PERDÃO SE ENCARREGUEM DE BORRAR E APAGAR A LEMBRANÇA. JÁ QUANDO NOS ACONTECE ALGO DE GRANDIOSO, DEVEMOS GRAVAR ISSO NA PEDRA DA MEMÓRIA E DO CORAÇÃO ONDE VENTO NENHUM EM TODO O MUNDO PODERÁ SEQUER BORRÁ-LO."

Kisses!
I love you!

T I N I N disse...

Sandrinha...
Suas palavras são sempre cheias de sensibilidade e realidade ao mesmo tempo...
Tudo que leio no "MEU ACONCHEGO" me cai como luva.
Voce tem o dom da escrita, da rima, do verso...Meus parabéns!
Um beijão
da sua fã
T I N I N

Luna Sanchez disse...

É, flor : a história sempre, sempre se repete...

Beijos.

ℓυηα

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Bem,acontece né, Sandra?. Mas permita-se sonhar de novo. Parabéns.beijos

Beatriz, disse...

Obrigado pelo comentário. Já vou postar outro texto :)

Juliana Lira disse...

Quando destroem o nosso céu, não sobra nem a esperança... :(

Milhões de beijos

Meu sereno amor

Meu pequeno pedação de sonho! Me leva pra passear? Por ai em qualquer canto, onde o sol me descanse do calor... Me lembra...