segunda-feira, 8 de março de 2010

Naufrágio

A noite chegou em dores e sombras, O sono não vem e as horas me ferem. A mente desenha pedaços de dor, e a alma derrama lágrimas de horror. Meu rosto não tem mais o brilho nos olhos, Nem se levantam para olhar o azul do céu Da boca o sorriso, fugiu sem voltar. restou apenas o gosto de fel. A vontade de vida o corpo esqueceu perdeu, e a coragem que ardia a lágrima emudeceu. Os sonhos morreram a cada ferida, e nem as flores enfeitam minha vida. As estrelas caem sobre meus ombros, Toda paz se desfaz em escombros. E o céu em negro se faz tempestade Tirando de mim, o que resta de felicidade. Meu corpo dolorido não quer mais a cama. A cama vazia, sem o calor de quem ama. As mãos sem coragem secam lágrimas insanas Que descem pela face e o coração inflama. Meu rosto disforme de tanto pranto e dor Não quer mais se pintar, se olhar... Cobri os espelhos de negra escuridão Pintei o passado, e as dores que aqui estão Fiz deles uma tela e emoldurei meu coração. Agora não tenho mais o sol, é negro o meu dia. E chove em meu corpo, em lágrimas derramadas Incontidas, por uma vida devastada e sofrida. Teci um casulo, e nele me fechei. Diferente da lagarta,nunca mais me transformarei, me despedi da esperança, deitei em minha alma a descrença E simplesmente chorei!
Sandra Botelho!

29 comentários:

Maria Bonfá disse...

Sandra que tristeza ! nossa meu coração até apertou de ler.. é lindo seu texto.. sua alma exposta de uma maneira única.. lindo mesmo..parabens por vc conseguir se expressar dessa forma com toda sua excencia.. beijão querida.. te admiro muito

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Oi,Sandra. Eu peço mil desculpas a você, de coração. Quando Anita me falou que você tinha postado meu poema, fiquei super feliz, mas esses dias, repare não tenho andado, infelizmente, muito pelos blogs e quando eu fui ver, não estava mais lá. Claro que eu gostaria sim de ver meu poema lá. Outros amigos fizeram isso e fiquei orgulhoso. Sei que fez por bem. Pôxa, peço desculpas mesmo. Beijos e parabéns pelo dia. Beijos

Caurosa disse...

Olá minha cara amiga Sandra Botelho, que magnífico esse texto, muito reflexivo e sensível. Confesso que a imagem me assustou um pouquinho, porém tá tudo lindo, parabéns.

PS: Estarei te linkando em meus blogs amigos

Paz e harmonia em sua semana,

forte abraço

CAurosa

Anita "Menina Flor" disse...

Sandra querida, fique tranquila, a homenagem que vc fez ao Carlos ficou linda, ele adorou, só que quando ele foi ver nao tinha mais o blog. Fica com Deus tá. Quanto ao post achei tristinho, não fique assim, vc é linda e inteligente, merece tudo de bom na vida. Bjs no coração.

Fatima disse...

Feliz dia internacional da mulher Sandra!
bjs.

Daniel Savio disse...

Poesia triste, mas não há mal que dure...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

Daniel Savio disse...

Poesia triste, mas não há mal que dure...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

Elaine Barnes disse...

Nada como uma noite de sono pra esperança voltar. Quem nunca molhou o travesseiro por uma noite toda de insônia,querendo acordar só dali um ano?Que atire a primeira pedra! Quem não escondeu o rosto com as mãos sem conter os espamos de um choro teimoso e sufocado? Ainda bem que tudo passa e o dia sempre amanhece nos dando uma chance de sorrirmos. Feliz dia da Mulher! Você é maravilhosa. Te adoro hoje e sempre com sorrisos ou choros. Montão de bjs e abraços cheios de flores

Sonhadora disse...

Minha querida Sandra
Texto sofrido, posso fazer das suas palavras as minhas, sentimo-nos assim.
Mas minha querida, ainda é jovem... FORÇA.
Beijinhos com todo o meu carinho

Sonhadora

SAULO PRADO disse...

Enquanto ela chora
A solidão me devora
Estranho é o nosso amor
Ele só vive regado pela dor

Ela briga
para mostrar sua presença
Eu me calo
para ela sentir com minha ausência

E assim vamos vivendo esta paixão
Rimando brigas com reconciliação
Tentando vencer a distancia
Para fazer brotar a mais remota esperança....


Olá minha doce amiga, como sempre busco em boas leituras a inspiração para escrever, e este seu lindo e triste texto, fez brotar estes versos ai de cima que irei postar agora lá em meu Blog www.sauloprado.blogspot.com .

Obrigado por este jardim de idéias; que é este seu encanto de Blog...

E parabéns pelo seu dia!!!!

cristal de uma mulher disse...

Amiga que texto triste,me doi a alma .É que estou igual a ele..
Feliz dia internacional das mulheres..beijos

Hod disse...

Nestas eras enquanto muitos se perdem, uma luz brilha em estreles e constelações onde a alfa torna-se a lider. E por seres o que és Mulher. Te reverencio em 365 dais pois tua feminilidade permea cada hora do dia e da noite. Durante o dia como Sol e a noite como as estrelas.

Forte abraço,

Hod.

Silvana Nunes .'. disse...

Boa noite.
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... passando para dar os parabéns pelo dia de hoje.
Saudações Florestais !

Meri Aleixo disse...

Oi Sandra
deixe te dizer que sempre venho aqui
e adorei que foi duas vezes me visitar
gosto de tudo por aqui
escreves muito, sempre leio...
Li teu texto, lindo, lindo

Ótima noite pra ti

bjss

Machado de Carlos disse...

Olá Sandra!

Imagino que todos os dias são só das mulheres, o homem é apenas um coadjuvante, pois do coração feminino existe um amor infinito.
Que dizer das mulheres, se noventa por cento do que escrevo é direcionado à mulher? Então, parabéns por mais um dia e, por todos os dias!

Braulio Pereira disse...

olá querida Sandra

melancolia
brumas
triste sinfonia
brisa de espumas

felizes dias

beijos doces!!

Everson Russo disse...

Sensações que nos acompanham pelas madrugadas da vida, pelas solidões que passamos, pelo sono que não vem e tambem quem amamos,,,um vazio enorme tatuado no peito,,,,beijos e um lindo dia pra ti.

Braulio Pereira disse...

me inspiras tanbem
deixas-te titulo ao meu verso
"vou sonhar-te"
faço feliz a alguem
confesso
amores que a gente tem


beijos ternura
suave dia doce noite

Luana Ferraz disse...

Um aconchego de lugar, delicias de palavras... Muito legal!

Maria Bonfá disse...

vc que é uma linda querida..obrigada viu ? seu olhar que é doce e ve doçura em tudo.. adoro vc amiga..saudade.. beijão

Machado de Carlos disse...

Leio em suas palavras um ar de bondade. Minha Alma é pequena para merecer seus belos comentários!

Ricardo Calmon disse...

Olha sapeca e achocolatada minina de vida minha,arrepiado estoy,não só com cronica essa,forte e sentida,assim como o espírito desencarnado de Augusto dos Anjos que voce recebeu para este escrver,lindô ,amei!sôdade docê,estás me desprezando,continua,vai ,maltratandp esse véio mininu,que tanto te ama e te conhecer quer,huhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu,!

viva la vida!

Anônimo disse...

I am able to make link exchange with HIGH pr pages on related keywords like [url=http://www.usainstantpayday.com]bad credit loans[/url] and other financial keywords.
My web page is www.usainstantpayday.com

If your page is important contact me.
please only good pages, wih PR>2 and related to financial keywords
Thanks
frirtuark

Felina Mulher disse...

Esses post tristes assim não combinam com sua alegria, isso é coisa de alma triste, alma de felina.E por ser do meu feitio eu adoreiiii!

Beijos meus.

Luna Sanchez disse...

Ah, mas eu gosto tanto de noite e chuva...

Beijo, querida.

ℓυηα

MARIA L. BÓZOLI disse...

Agradeço as suas muitas visitas.
Saudades........Estive um pouco ausente.

Boa Noite! Beijos & Poesia!

Manuela Freitas disse...

Olá querida Sandra,
Quanta dor e tristeza, neste texto...há momentos assim, em que tudo pesa demais na nossa cabeça!...Mas que sejam momentos...porque a tua cara é linda demais, para ficar deformada com as lágrimas!...
Beijinhos «amore»
Manú

Bruxo Fábio disse...

È com imenso prazer que venho aqui pela primeira vez, achei tudo muito lindo1
Parabéns pelas emoções tão bem escritas.
Bjs!
BF

Machado de Carlos disse...

Lembro-me muito bem de Poços de Caldas. Lembro-me que cavalguei e, o cavalo sabiamente já sabia do percurso que aprendera. E eu nem sei como cavalgar. Obrigado por ser minha grande amiga!