domingo, 28 de março de 2010

Ré Confessa

Enlaça-me em teus doces toques, não me permita pensar em mais nada. Cerceie meus pensamentos. Me obrigue a mergulhar em teu corpo, Não me permita submergir. Prenda meu olhar em ti. Me aprisione... Sou ré confessa de meu crime. O crime de assassinar meus desejos e viver aprisionada aos teus... Quero o cárcere de teus abraços! As algemas de tuas mãos. Eu quero ser sua prisioneira por inteiro... Não me solte! Sinto frio e somente seu corpo pode me aquecer. Não me liberte de suas correntes e amarras, quero ser sua prisioneira. Seja meu mundo, seja meu universo. Me faça caber na palma de suas mãos! Brinque comigo, me vende, me amordace! Quero ser seu tudo, seu infinito céu, seu mar... Me prenda, me enlace em cordas e nós, mas não me deixe partir. E se acaso eu tentar, Me segure, forte, não me importo de sentir dor, não me deixe ir... Quero ser vassalo em seu reino, plebeia de teu reinado! Não tenho a pretensão de ser sua rainha, serei aquela a quem ama sem reservas... Sem cobranças e sem pudores... Serei sua em todos os momentos que seus olhos me desejarem. Grilhões não me penalizam, eu os quero, desde que me prendam a ti! E se acaso se cansares, de mim sempre ao teu lado... Deixe que seja sua sombra, estarei atrás de ti a te proteger do sol escaldante ou da chuva fria... Me permita um pequenino pedaço de ti... Me encarcere em seu corpo... Me deixe ser um segundo de seus pensamentos! Me renderei a todos os seus desejos e sonhos. E um dia ao acordar se acaso sentires a minha falta, estarei aqui, a te esperar, algemada aos teus passos, amarrada aos teus olhos. Sem exigir de ti razão, serei tua, quando quiser me encarcerar em seu coração. Me aprisione... Sandra Botelho!

27 comentários:

A.S. disse...

Sandra...

É tão cativante o cativeiro!!!


BeijOOO
AL

a magia da noite disse...

intensa suplica de quem aba abertamente, plenamente, não se limita a ser, quer-se impregnar por completo.

Zé Carlos disse...

Sandrinha querida e grande poeta....

Com este post vc corre riscos: "Sem exigir de ti razão, serei tua, quando quiser me encarcerar em seu coração. Me aprisione..."

Mas que é lindo é.... Beijão do teu amigo

Everson Russo disse...

É gostoso e muito intenso a gente viver nos desejos de alguem,,,desejar com toda intensidade, com toda força possivel,,,desde que tudo isso seja reciproco,,,seja uma troca de amor sem fim,,,um beijo e uma linda semana pra ti.

Felina Mulher disse...

Por favor, não absolvam esta moça, ela quer morrer presa, quer morrer de amor....kkkkk

Lindo Sandrinha, vc é linda!


Um beijo carinhoso.....Já levantei!

Ricardo Calmon disse...

As correntes and algemas levando estou,o encarceramento já é,em cardíaco meu,a jaula,por trás de peito meu,já estás!

Obrigado por súplica post de amor esse!

huhuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu

Chocolate paixonou!

yesssssssssssssssssssssss

bzuz teu rica

Amapola disse...

Bom dia, Sandra.
Você quer um momento muito intenso... de entrega total.
Felicidades!

Um grande abraço.

sandra Freitas disse...

Agente até abre mão da plena liberdade pra estar presa a um grande amor..Lindo Sandrinha..
Bjokas

Luciana Klopper disse...

Nem tem como não se prender assim!

Kim Sousa disse...

Re-confesar...é sempre algo bom de se fazer naqueles instantes intimos...uma boa lua ajuda...me recordo da noite denatal...mas isso eu não vou contar...ahah

Abração lindaa...té mais...

A Madrasta Má disse...

Olá amoreco estamos completando 100 mil visitas, ops! mordidas e é claro que vc faz parte da festa, por isto tem presentinho para você! bjinhos da Madrasta!

Silvana Nunes .'. disse...

boa tarde.
Eu sou casada , estou no meu segundo casamento. Só com esse eu tenho 15 anos. Se pudesse e meu dinheiro desse eu me livrava. RELACIONAMENTO NUNCA MAIS. Chega de aturar homem.
Passando para dar uma espiada nas novidades e para me desculpar da ausência - estou sem computador, dependendo de lanhouse, coisa que detesto fazer.
Então, já preparou a sua pegadinha? O dia 1º de abril está chegando.
FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... deseja uma boa semana para você.
Beijo grande.
Saudações Educacionais !
http://www.silnunesprof.blogspot.com

Silvana Nunes .'. disse...

Eu tomei foiu trauma de casamento e afins.
Tô fora !

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

A prisão voluntária é a mais sofrida.

=)

Ricardo Calmon disse...

Comentário em post meu,um hino só tanto todo tão teu,amada amiga minha,que lindo em tecidas palavras ,exalastes só youuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu!

huhuuuuuuuuuuuuuuuuu

como gosto eu de tu

rica

Elaine Barnes disse...

Um perigo essa ré heim! Um poema maravilhoso como todos que escreve. Um poema forte de desejo.Uma entrega total vibrante e sem consequencias. Um querer acima de tudo. O desejo sobrepondo a razão e o sentimento. Emoção pura! Divinamente sensual e perfeito! Montão de bjs e abraços

MARIA L. BÓZOLI disse...

Olá............Linda postagem!!

O charme da história e sua lição enigmática consiste no fato de que, de tempos em tempos, nada muda e mesmo assim tudo é completamente diferente.

Forte ABRAÇO!

José disse...

Ficarás presa a mim
mas só em pensamente
podes andar por ai
e seres livre como o vente

sem grilhões sem algemas
sem ficares acorrentada
podes voar como as penas
minha doce achocolatada

beijo GRANDE
José.

Eduardo Santos disse...

Olá Sandra. De facto, seu espaço nos deixa com desejo de voltar. Seu tipo de poesia sensual, apenas com rédeas para a emotividade, desce o rio do nosso desejo a caminho do sentido amplo do "ter". Parabéns sinceros pelos poemas, voltarei, se me permitir, comentando ou não. Obrigado.

Sonhadora disse...

Minha querida Sandra
Que belo e intenso momento de poesia.
Quanta entrega ao amor...sem condições.

Beijinhos
Sonhadora

C@urosa disse...

Olá minha querida amiga Sandra Botelho, sempre belos poemas, na verdade, o amor, sempre permiti tudo. Somos eternos escravos...confessar, admitir sempre...

Paz e harmonia,

Forte abraço

C@urosa

Fatima disse...

Tão romantico!!!
Bjs querida.

Dica Cardoso disse...

Que tires o melhor proveito dessa tua senzala e que nela não tenha tronco, ou até para ele tu vais...rss
Isso é que é amor...forte e corajoso!
abraços no coração

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Boa Noite, Sandra! Lindooooooooooo!
Beijos muitos, querida*
***********

LÉVI IBN MAR SHAUL (Século XI)

ENCANTAVAS-ME, IRMÃ,...

Encantavas-me, irmã, voltada, em sentinela,
A Damasco! No olhar as aguilhoadelas...
Na boca a rubra fita[1]... E que langue era ela,
Ó minh’alma! Eu gritava: - E quem é a donzela,
Que se apruma, surgindo igual à aurora bela?[2]

– Separei-me e parti, e sem estar pintada
Nos meus olhos azuis... Outrora, desvairada,
Eu corria, eu voava, assim que era chamada
Pelo leão; cedia a quem tinha morada
No peito, qual madeira em carvão transformada!
Eu descia ao jardim das nogueiras, alada,[3]
Para pôr, junto ao rio, às plantas a mirada...

Se eu Te escondia a graça, estando no terraço,
Era para que não me vissem o regaço!
Nas mirtas frescas, Ele escondeu os Seus passos:
Sendo todo avidez e entregue ao Seu querer,
Se a vinha floresceu, anseia Ele por ver

E se da romãzeira os botões vão nascer![4]

Tradução cometida pela Renata.

NOTAS


[1] Cântico dos Cânticos, 4, 3.
[2] Ibidem, 6, 10.
[3] Ibidem, 6, 11.
[4] Ibidem, 7, 13.

+ Beijos
Durma Bem!

Amapola disse...

Bom dia, Sandra.
Passando, para lhe desejar Feliz Páscoa!

Um grande abraço.

José Antonio disse...

Nossa o que tu fizeste de tão mal para seres considerada uma ré, em um poema lindo desse... bjss milll

Majoli disse...

Sem palavras...perdidad de vez nessa sua poesia...amiga você é uma POETIZA LINDA POR DEMAIS.

Parabéns...e continue assim, sendo prisioneira do amor, nada melhor existe.

Beijos com carinho e admiração.