domingo, 12 de julho de 2009

Desejada

Como é bom ser amada...Desejada! Saber que alguém quer teu corpo, sentir teu gosto. beber teu mel, Sugar tua seiva se embebedar em teu céu... Como é bom ser devorada, com os olhos desejada, Sentir seu olhar malicioso, a ver meu corpo , por debaixo da roupa, e a imaginar... Gostoso é saber que me adora e com os olhos me devora! Perceber que em pensamento,estás comigo em outro lugar... Apaixonante, é sentir-te amante, é correr de ti pela casa, fazendo-me rogada e inocente, quando na verdade sinto meu corpo quente a desejar-te em pele e carne, em um calor indecente... Fascinante é experimentar toda a casa... Deixando marcas de nosso amor em cada canto, em cada móvel. Marcas de um amor em brasa. Delicioso é olhar-te enquanto estás de olhos fechados, e imaginar onde estariam seus pensamentos... Ver você me olhando ao me trocar, e em cada pedacinho de mim, sentir teu safado olhar. É vestir-me devagar, porque quero este momento perpetuar. É me insinuar e sair de mansinho, deixando-o enlouquecido, atordoado acalourado... Dar aquele risinho no canto da boca, e fingir por você não estar louca. Gostoso é ter você em meus braços, Prende-lo em meus laços, de mulher amante, querer-te sempre, amar-te todos os dias, tornar eterno, o que dura instante. Sandra Botelho

Nenhum comentário:

Meu sereno amor

Meu pequeno pedação de sonho! Me leva pra passear? Por ai em qualquer canto, onde o sol me descanse do calor... Me lembra...