sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Não silencie o meu amor

Não me peça para calar esse amor...
Ele grita dentro de mim ensurdecendo a razão,
e nesse grito agudo de felicidade,
o meu amor se espalha , atravessando mares montanhas , rios...
 E pousa suave sobre seus ombros...
Esperando receber de suas mãos o afago suave 
que o manterá por perto...
Ali, aconchegado em teu coração
Não me peça para calar esse amor...
Ele não me ouviria, está ensurdecido de paixão!


Sandra Botelho

28 comentários:

Ingrid disse...

o amor deve ser sempre alardeado, para que contagie..
beijos linda Sandra..

Toninhobira disse...

Lindo canto ao amor e que não cale esta voz.
Bela inspiração/construção Sandra.
Bju de luz nos seus dias inspiradissimos.

ONG ALERTA disse...

O amor náo cala, vive...
Beijo Lisette.

Geisa Machado disse...

Sentir a paixão avassaladora tomando conta de nós é sentir a vida, porém não podemos deixar a razão ensurdecer. É ela que evita possíveis sofrimentos. Bjussss

Severa Cabral(escritora) disse...

Meu amor é gritante,não aguentaria ficar calado...aconchegado...
Bjs para aquecer teu blog!

MOISÉS POETA disse...

Um texto desse com uma linda música ao fundo... é de tirar o fôlego !

Feliz semana , Sandra !

um beijo grande !

Assis Freitas disse...

o que não cala quer explodir,

beijo

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Sandra
Grite seu amor aos quatro ventos. O amor é para ser cantado em verso e prosa, e jamais ser guardado.
Bjux

нєllєи Cαяoliиє disse...

Eu que não suportaria calar a voz do amor,ele é maior do que qualquer sentimento que habitas em mim,não aguentaria aquietá-lo.
Lindo viu?
Beijos,Sandra.

Manuel disse...

Senti cada frase, amei cada palavra, deixei-me embalar por cada sentimento.
Lindo

Nilson Barcelli disse...

Nunca cales o amor, nem as tuas palavras poéticas.
Gostei, querida amiga.
Boa semana, beijos.

Cristina Lira disse...

Que belo seja então este amor quando ressoar aos ouvidos do amado e esquecer um pouco as razões eos porques para que se possa viver em plenitude.

Bjos no coração...lindo demais o poema!

Cristina Lira disse...

Que belo seja então este amor quando ressoar aos ouvidos do amado e esquecer um pouco as razões eos porques para que se possa viver em plenitude.

Bjos no coração...lindo demais o poema!

Daniel Costa disse...

Sadra

Quem poderá ou quererá calar um amor tão suave, belo e sensual assim, como está evocado?
Beijos querida amiga

ARAS disse...

Olá, Sandra:
mais uma Poesia "sentida" e tão fascinante!
É muito BOM estar AQUÍ contigo!...
Depois, quero-te agradecer as visitas e os comentários que deixas quando visitas o alone tudo bem "achocolatado"... rsrs
Em relação aquilo que postei no meu blog sobre um Heterosexual nos "dias de hoje"... é o que EU sinto! Parece -quase- ser um CRIME...!!!
Depois, sou muito contra aqueles chavões com que constantemente aquí no Brasil nos bombardeiam: preconceito, bulying, racismo, etc, etc...
Tanto chamamos o LOBO que, um dia, ele VEM...!
Sou, acima de tudo, sincero!...
Beijo "semi-amargo" do
A.Rui as alone

Zé Carlos disse...

Garota maravilhosa, não deixe este amor se calar nunca.
Corra atrás dele e o faça seu pois é a maior felicidade da vida....

Beijos do ZC

Regina Rozenbaum disse...

Ainda bem...imagina só esse amor calado, silenciado??? Faça muito som, assim...lindo de viverrrr prá engordar e musicar nossas almas!
Beijuuss, amada, n.a.

Alguém... disse...

O amor nunca deve ser calado.

Beijinho*

Lena disse...

Oi, Sandrinha linda
Um amor como esse não se cala mesmo não. Lindo poema, pra variar, ternurinha. Bjkas com muito carinho!!!

Meri Aleixo disse...

Sandra minha amiga
saudades daqui e dos teus poemas


bom demais receber você lá,
amigos voltam sempre



Bjosss

Machado de Carlos disse...

O amor não se cala. Ainda bem que ele existe. Quase sempre sofremos por ele, mas sabemos que para existir, ele – o Amor rompe quaisquer fronteiras!
Beijos adocicados com muito chocolate!
Um poema lindo! Parabéns!...

Daniel Costa disse...

Sandra

Jamais alguém calaria esse amor que cantas. Este teu poema, como a grande maioria, é transportador de uma beleza e sensualidade que prendem os leitores.
Beijos querida amiga

Everson Russo disse...

Mesmo porque, um verdadeiro amor jamais se calará,,,grande beijo de bom dia pra ti.

A.S. disse...

Sandra,

O amor é para ser vivido intensamente e não sufocado!
E para ser largado ao vento e atravessar todas as distâncias até ao aconchego de um ninho de amor...

Beijos, querida!
AL

Amordemadrugada disse...

Que esse seu amor se aconchegue calmamente em seu coraçao...e lhe dê muitas alegrias...
Sandríssima, em seu Aconchego...Não deixe calar seu amor!
Besito flor

Sergio Martins disse...

Belo poema! O amor não quer calar e não há como resistir sua sedução. Feliz dia dos namorados; bjs!

BLOG DO PROFEX disse...

ah, o amor!
passando para deixar um abraço...
Sandra, Abraços!

✿ chica disse...

Ainda que se cale, o amor continua a teimar em falar baixinho.... LINDO! bjs, chica