sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Desnuda



Algo em mim definha ...Talvez a menina que acreditava no amor infinito!
Talvez a mulher que não quis jamais crescer,
e de repente se depara com vincos pequenos no coração.
Velo  minha alma e choro todas as minhas antigas lágrimas,
Retiro vagarosamente o véu que transmuta meu corpo,
Que me faz ave, sem um céu para alçar voo...
Sou calice de desilusão, pequenos fragmentos de um poema
que cantava sonoridades de amor, de paixão, de sonhos...
Hoje pretendo me despir, jogar fora vestes que
cobriam um corpo que não era o meu, um corpo ateu...
Hoje vou escolher meus pensamentos.
Vou sair na rua deixando pelo caminho tudo o que causa dor,desilusão, angustia e raiva
Hoje renascerei em algum lugar, em algum coração, em algum olhar...
E quando passarem por mim, e me olharem cantando sozinha...
Hão de pensar consigo mesmo.
É felicidade ou loucura.?
Ouvindo seus pensamentos...
Eu  responderei cantando:   É liberdade!


Sandra Botelho



47 comentários:

Manuela Freitas disse...

Como sempre excelente! Os estados de espírito fazem navegar!
Eu gostei muito do final: Liberdade!
Beijos «chocolatinho» e bom fim de semana.
Manu

Mila Lopes disse...

Lindo texto!

"Hoje vou escolher meus pensamentos.
Vou sair na rua deixando pelo caminho tudo o que causa dor,desilusão, angustia e raiva
Hoje renascerei em algum lugar, em algum coração, em algum olhar..."

Uma bela receita para se viver...

Bjs

Mila

manuel marques disse...

E também quero desnudar a minha alma. Não quero uma alma vestida de ceroulas ...

Beijinho e bom fim de semana.

Paulo Francisco disse...

Liberdade!
Lindo texto.
Um beijo.

José Antonio disse...

Ahhh!! O gosto pela liberdade é divino e soberbo mais temos que usar dela com doses homeopaticas senão ela pode nos levar a lugares que não tem volta... bjsss

RELTIH disse...

COMO SIEMPRE, TODO LO ESCRIBES, SABE A CHOCOLATE.
BEIJOS

valdivino disse...

Belo!

Bom fim de semana pra ti!

bjos.

Veronica...ઇઉ disse...

Sandra lindo seu blog!
Um excelente fim de semana bjs.

Tô Ligado disse...

Sabe que tenho medo de muita LIBERDADE!

BJus Sandra

Assis Freitas disse...

se é liberdade, é bonita, é bonita


beijo

HSLO disse...

Amei o texto...estava precisando ler algo assim.
abraços

Ingrid disse...

sensibilidade nua..
belo Sandra..
beijo.

Sonhadora disse...

Minha querida


Algo em mim definha ...Talvez a menina que acreditava no amor infinito!

Nestas palavras defines o sentir de todo o poema...como as tuas palavras gritam em mim...de tanto que me dizem.


Beijinhos com carinho
Sonhadora

Elaine Barnes disse...

O corpo as vezes fica aprisionado em situações que criamos justamente por medo da liberdade. O que fazer com ela? Será que sairíamos pelas ruas cantando ou nosso canto vazio choraria nossa loucura? Só sei que tem horas que não cabemos mais no corpo e precisamos expandir nossas memórias buscando o significado de tantos porques. Por que nos aprisionamos dentro de nós mesmos? Muitas vezes não somos donos nem do nosso corpo,pois o oferecemos ao amor e esse presente com o tempo não tem mais o valor do amor e sim de momentos que queríamos apenas um abraço, um aconchego...Agora não mais compreendidos,apenjas usufruidos pelos desejos.Nos submetemos ao que demos e esquecemos que somos donos dele. Será que sair pela rua cantando é loucura ou loucura é não ter nenhum canto pra chamar de nosso? A liberdade esta dentro,pois a única coisa que é livre completamente é o nosso pensamento e imaginação!
Amei amiga e estou esperando esse livro heim! Montão de bjs e abraços

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Sandra
Nada paga o preço da liberdade, principalmente a liberdade e coragem de sermos nós mesmos.
Bjux

Everson Russo disse...

Muitas e muitas vezes na vida,,temos a sensaçãoe a certeza que o mundo não é colorido como a gente imaginava,,,e que em cada pedacinho do horizonte que pintavamos belo,,,os sonhos se desfaziam....beijos de bom sabado pra ti.

José Vitor disse...

Obrigado pelo apoio lá em casa!

Bonita passagem de amadurecimento, percebe-se que a poesia enriquece a Senhora...

abraços

José disse...

Tu és a essência do poema perfeito,
escreves com o coração de menina mulher, talvez a dor que carregas no peito, da menina que definha, e está a crescer.

beijos açucarados
José.

Sandra disse...

" Algo em mim definha ...Talvez a menina que acreditava no amor infinito!
Talvez a mulher que não quis jamais crescer "

hum...isso me caiu feito uma luva hoje, talvez estivesse precisando ler algo assim, belo texto amiga...
bom fim de semana beijos no coração

Alvaro Oliveira disse...

Olá Sandra

Que belo texto poético!
Nada melhor que uma saída à rua, deixando para trás tudo quanto
causa dor e desilusão, vivendo e despertando em algum coração,cantando liberdade.

Amiga Sandra, vou tomar a liberdade de usar seu e-mail para responder ao seu desejo descrito em seu último comentário ao meu
blog.

Bom fim de semana.

Beijos

Alvaro

A.S. disse...

Sandra,

Belas as tuas palavras. A vida é um renascer permanente!

Beijos,
AL

Xipan Zéca disse...

Sandra...
Lindo isso .. essa transição, parece coisa de "brabuleta"... rss

Deussssskiconserve Assim
Tatto

Daniel Costa disse...

Sandra

Seja como for é linda a maneira como desnudas o coração, rumo à liberdade.
Será loucura o sorriso de menina, com que ilustras a preceito esta tua deambulação poética?
Beijos

Machado de Carlos disse...

... E a vida deve continuar com chocolate e tudo mais.

J Araújo disse...

Com este sorriso estampado espero que seja felicidade. Belíssimo texto poetisa.

Bjs

J Araújo disse...

Com este sorriso estampado espero que seja felicidade. Belíssimo texto poetisa.

Bjs

Manuel disse...

Que belo momento de poesia de alguém muito apaixonado.
Só que sente a paixão pode exprimir de tal forma os sentimentos que guarda dentro.
Adoreiiiii.....muito.
Beijo

Uotson Glazian disse...

Poderia criar um texto para tentar explicar meu sentimento nesse exato momento ao ler esse texto. Mais resumirei em uma só palavra. Perfeição!

Uotson Glazian disse...

http://uotsonglazian.blogspot.com/

Vanessa Souza Moraes disse...

A alegria de ser livre.

http://vemcaluisa.blogspot.com

MOISÉS POETA disse...

Sandra , querida !

Muito bonito seu texto, altivo e contundente . gostei muito !

um grande beijo !

ღPat.ღ disse...

Livre-se de tudo que for ruim e absorva somente o que te faz bem e feliz! O externo só pode te afetar, se você deixar... não deixe!

Amo demais vir aqui, neste blog em especial eu sempre saio chorando.. uma época eu parei de vir por umas duas semanas, porque eu lia você no trabalho e minha cara ficava inchada e a ponta do nariz vermelha..rsrs comecei a ler-te em casa ;) emoções... são muitas!!!

Beijos com Amor da amiga que te adora demais!

Daniel Savio disse...

Realmente renasça com a toda felicidade que você merece...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

Daniel Savio disse...

Realmente renasça com a toda felicidade que você merece...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

Daniel Savio disse...

Realmente renasça com a toda felicidade que você merece...

Fique com Deus, menina Sandra Botelho.
Um abraço.

Regina Rozenbaum disse...

Eiiii minha engordativa amaada!
Tive dia que acordei assim... de birra com essas duas: nunca e sempre... daí a gente percebe que é assim como escreveu...LIBERDADE é o que querem...as palavras e os sentimentos engaiolados.
Beijuuss com gostim de fazenda procê

Braulio Pereira disse...

que linda a Liberdade


adoro-te flor

beijo doce!!

Nilson Barcelli disse...

Um dos melhores poemas que li teus.
Foste brilhante, chocolatinho lindo... gostei imenso.
Querida amiga, boa semana.
Beijos.

Universo Paralelo em Versos disse...

lINDO DEMAIS, TEUS ESCRITOS SÃO SEMPRE MARCANTES, PARABÉNS!

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Sandra!

Seu post é uma oração que deveria ser repetida,todos os dias,por todas as mulheres!

Gostei demais!

Um beijo livre!

Sonia Regina.

wcastanheira disse...

Lindo texto, cada linha vai te prendendo para q possamos curtir a próxima, belas fotos sua página está um abelezura, um show, pra vc bjos, bjos e bjosssssssssssss

ONG ALERTA disse...

É pura felicidade cante sempre...beijo Lisette.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Necessário se faz nos permitirmos alguns momentos para reflexão e partirmos para uma autoanálise, a fim de nos libertarmos de certos quês, que somente dificultam a nossa felicidade. Belo texto amiga. Parabéns!

Beijos e ótima semana pra ti.

Furtado.

José Sousa disse...

Meu doce chocolate!
Você sempre me surpreende com os seus poemas. Sinto que, estes poemas não podem ser só imaginação, eles me dão a sensação de que escreve o que realmente lhe acontece na vida, será?
Apsar de ser um lindo poema, vc sempre escreve bem, ele sensabiliza os mais sensiveis. Parabéns gostei

Você é um amor

um beijo com sabor a chocolate.

sinfonia disse...

Liberdade é de fato o melhor para
um ser humano.O pior é quando
nos deixamos "aprisionar e a perdemos". Vocês, mulheres brasileiras, são alegres, divertidas, e parece pelo que vejo
nos blogues "mais unidas" e mais
"participativas em grupo" que as
portuguesas.Há muita falsidade na
sociedade portuguesa.Hoje,esteve
em minha casa um brasileiro, tenho
dois amigos brasileiros que frequentam a m/casa e são amorosos.

Havia alguém que não era muito elogiosa para com os brasileiros,
mas hoje me parece rendida.

Enfim, viva a vossa ALEGRIA.

E então beijinhos e já foi ver
o meu novo blogue?
http://sinfoniaesol.blogspot.com
Irene
Ah, e este ano espero ir ao Brasil,
ao Rio de Janeiro. Não gosto muito
de fazer muitas horas de avião, mas
o convite tem sido tão insistente,
que acabarei por ir.

Zil Mar disse...

Oi Sandra...

Gostei demais!!!!

Liberdade....essa é a hora!


bjos querida!


Zil

ღPat.ღ disse...

Venho deixar-te um beijo.. espreitar tuas palavras e dizer que és muito, mas muito especial para mim....

Meu sereno amor

Meu pequeno pedação de sonho! Me leva pra passear? Por ai em qualquer canto, onde o sol me descanse do calor... Me lembra...